Meio Bit » Baú » Fotografia » Nikkor 6mm f/2,8 Fisheye - uma raridade

Nikkor 6mm f/2,8 Fisheye - uma raridade

10/05/2012 às 12:08

As raridades no mundo da fotografia ainda existem. E não estou falando das câmeras coloridas da Pentax ou as edições especiais da Leica. Estou falando de equipamentos que são tão bons que o alto custo inviabilizou a produção em massa do mesmo. Uma dessas raridades é a EF 1200mm L USM f/5,6 da Canon. Outra delas é a Nikkor 6mm f/2,8 Fisheye da Nikon, que pode ser considerada a lente olho-de-peixe mais potente do mundo.

Ela foi anunciada ao público em 1970 e entrou em produção em 1972, porém só era fabricada por encomenda. Esse fato, e o alto preço do produto, fez com que muito poucas lentes fossem produzidas. Existem poucas pessoas no mundo que viram uma dessas pessoalmente e o seu valor de revenda nos dias de hoje chega a £100,000. Mesmo levando em conta as lentes produzidas atualmente, não existe uma que chegue até o seu ângulo de visão e com essa generosa abertura de diafragma.

Ela foi desenhada para cobrir a área total de um filme fotográfico, pesa 5,2 Kg, mede 236mm de diâmetro e tem distância mínima de foco em 0,25m. Na semana passada foi postado um vídeo no youtube mostrando o primeiro teste dessa lente juntamente com uma Nikon D800. Como ela possui um ângulo de visão de 220º, em alguns momentos é possível ver até um dos pés do tripé. Uma maravilha reservada há alguns poucos privilegiados.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários