Meio Bit » Baú » Hardware » Atmel anuncia sensor de toque flexível

Atmel anuncia sensor de toque flexível

08/04/2012 às 6:57

Em Caprica, seriado de vida curta, prequel e sucessor de Battlestar Galactica a personagem Zoe, interpretada pela totosíssima, Alessandra Torresani (google, eu espero) usa uma interface pouco comum para acessar seu brinquedo preferido, um mundo de realidade virtual: A interface é… papel. No caso uma espécie de e-paper, flexível, dobrável e que não carece de maiores cuidados, veja:

Tem gente pesquisando displays flexíveis, mas um sensor de toque que se adeque a superfícies assim é bem mais complicado. Ou era, a Atmel está divulgando o desenvolvimento de uma tecnologia que permite mapear superfícies côncavas, convexas ou qualquer outra forma citada nas músicas do Roberto Carlos.

No vídeo de demonstração sugerem até um celular em formato-cinzeiro que a Nokia dos velhos tempos sairia correndo para projetar:

Pense nas possibilidades: Um sensor que não fica preso a uma tela reta, pode seguir a curva e funcionar na lateral do telefone, talvez até na traseira. Um joystick onde a própria superfície é parte do controle,

Esse tipo de invenção é importante, não pelo que conseguimos pensar em fazer, mas pelo que deixa de proibir. Quanto menos limitações, mais liberdade, e assim como tomates, designers adoram liberdade.

Fonte: ET

relacionados


Comentários