Meio Bit » Baú » Games » Warren Spector quer criatividade e não uma nova geração

Warren Spector quer criatividade e não uma nova geração

02/04/2012 às 15:01

dori_spe_02.04.12

Warren Spector pode não contar com a mesma popularidade de um Hideo Kojima ou Shigeru Miyamoto, mas o seu currículo não deixa dúvidas sobre a sua capacidade, tendo participado da criação de jogos como Wing Commander, System Shock, Thief: The Dark Project e Deus Ex. Portanto, a sua opinião é algo que deve ser levado em consideração, ainda mais quando ela remete a necessidade de mais criatividade nos jogos e a chegada da próxima geração.

Não sou um cara da parte técnica. Sou mais da parte de design, história e personagem. Acho que a maioria dos problemas que temos que resolver são relacionados a criatividade, não a parte técnica.

Obviamente nós fazemos software, então sempre há os elementos técnico nos que trabalhamos, mas eu sempre farei jogos que no fim das contas farão qualquer coisa que eu queira que façam e usarei qualquer tecnologia que estiver disponível.

Não podemos esquecer que o início de uma nova geração normalmente nos apresente a algumas novas franquias, mundos maiores ou simulação de física e iluminação mais apuradas, mas acho que o raciocínio do Sr. Spector está correto e as desenvolvedoras deveriam mesmo estar mais preocupadas com em nos oferecer jogabilidade e ideias realmente novas.

[via CVG]

relacionados


Comentários