Meio Bit » Baú » Games » Documentário mostrará os fliperamas japoneses

Documentário mostrará os fliperamas japoneses

23/03/2012 às 9:10

Aqueles que viveram suas adolescências/infâncias durante a virada da década de 80 para a de 90, provavelmente choram até hoje o fim dos fliperamas. Embora a praticidade dos consoles seja algo muito bem vindo, apenas quem teve o “prazer” de frequentar aqueles antros e vez ou outra derrotar (nos games) aquele sujeito mal encarado, sabe qual é a sensação da ilusão de ser o Jules Winnfield das redondezas.

A verdade é que encontrar um bom fliperama hoje em dia é uma tarefa quase impossível, a menos que você viva no Japão. Por lá as lojas especializadas ainda existem aos montes e foi para mostrar esse fenômeno aos ocidentais que Brad Crawford resolveu criar o 100 Yen: The Japanese Arcade Experience.

Em desenvolvimento há mais de dois anos, o documentário recebeu esse nome devido a escassez de moedas de 100 ienes ocorrida quando o Space Invaders foi lançado, tudo porque os japoneses não paravam de gastá-las nas máquinas com o jogo.

Conhecer a cultura game no Japão é algo que sinto ainda não ter recebido a devida exposição,” explicou o cineasta canadense. “Todos nós sabemos que muitos dos nossos jogos favoritos vem do Japão, mas acho que as pessoas não percebem o nível de dedicação dos japoneses pelos games, especialmente os arcades.

No momento o filme se encontra em estado de pós-produção e o responsável precisa de US$ 20 mil para concluí-lo, então, se você pensou em mais daqueles vaquinhas online, acertou em cheio. Quem contribuir com US$ 15 terá direito a uma cópia digital em alta definição do documentário, já com US$ 35 receberemos uma cópia física. Com esta grana Crawford poderá voltar ao Japão e realizar entrevista com o editor local do Kotaku, Brian Ashcraft, além da Bear Trickey da Q Games e Daigo “The Beast” Umehara.

Ideia muito legal e que resgatará um pouco da história dos games. Só gostaria que um dia tivéssemos pessoas interessadas em lançar esses documentários oficialmente no Brasil.

[via Eurogamer]

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários