Meio Bit » Baú » Games » EA autoriza Wing Commander feito por fãs

EA autoriza Wing Commander feito por fãs

19/03/2012 às 11:53

O pessoal que gosta de jogos de ficção científica provavelmente lamenta o rumo tomado pela série Wing Commander, que depois de ter feito bastante sucesso na década 90, entrou quase que em total esquecimento nos últimos anos, algo que deve ser creditado à EA. Com exceção de um jogo lançado digitalmente para o Xbox 360 que recebeu duras críticas, o último game da franquia que ficou marcada pelas cenas de vídeo entre as missões foi lançado em 1994 e tamanha espera levou um grupo de fãs a trabalhar em uma continuação não oficial.

Em desenvolvimento há mais de dez anos, Wing Commander Saga: The Darkest Dawn usou a engine do Freespace 2 e contará com 55 missões e 70 cenas não interativas que incrementarão o enredo que promete ser bastante complexo, possuindo 11 mil linhas de diálogos que foram dublados por 60 atores, totalizando nove horas de áudio.

Tanta dedicação pelo jeito convenceu a Electronic Arts, que de acordo com o líder do projeto autorizou que ele seja concluído e o seu lançamento, previsto para 22 de março, aconteça sem o risco de processos ou cartas ameaçadoras exigindo o seu encerramento.

Portanto, temos que encher de elogios a editora, por permitir que os fãs continuem aproveitando sua marca e principalmente a equipe que dedicou anos de suas vidas a concluir uma produção que certamente lhes tirou muitas horas que poderiam ter sido aproveitadas de outras maneiras. Para ficar melhor, só mesmo se a EA distribuísse o jogo gratuitamente através do Origin, não acha?

[via VG247]

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários