Meio Bit » Baú » Games » Para EGM, ano fraco pode ter causado danos à marca Wii

Para EGM, ano fraco pode ter causado danos à marca Wii

13/01/2012 às 13:23

dori_xeno_09.01.12

Com o anúncio do Wii U feito no ano passado, era natural que tanto a Nintendo quanto as outras desenvolvedoras diminuíssem a criação de jogos para o Wii, mas de acordo com uma avaliação feita pela revista EGM, o que aconteceu foi quase um completo abandono do videogame, muito por culpa da fabricante e além de terem dado nota 1 (um!) para o aparelho, escreveram o seguinte:

Claro, sabemos que o Wii U está chegando no ano que vem… mas isso não significa que o Wii precisava ser morto este ano. A Nintendo teve cumplicidade absoluta neste enterro ao vivo – como a campanha Operation Rainfall, constantemente citada no Twitter, Facebook e fóruns durante meses. A Nintendo of America tinha três excelentes RPGs para lançar - Xenoblade Chronicles, Pandora’s Tower e The Last Story – mas não se importou em trazê-los para o Estados Unidos em 2011, apesar de que o Xenoblade finalmente chegará em 2012. E não é como se a Nintendo fosse uma desenvolvedora de nicho, como a Atlus ou NIS America, que não pode se dar ao luxo de gastar com a localização. Desculpe Nintendo – mesmo uma joia de fim de ano como o Skyward Sword não pôde evitar os danos que você causou à marca Wii em 2011.

Apesar de concordar que a Nintendo virou as costas muito cedo para o seu atual console, principalmente nos EUA, considero injusto dizer que o Wii viveu apenas do último The Legend of Zelda, desconsiderando completamente títulos como Lost in Shadow e Kirby's Return to Dreamland, sem falar no elogiadíssimo Rayman Origins.

É claro que os donos de Wii gostariam de ter a certeza de que os outros dois RPGs citados pela revista fossem confirmados para a América, mas não sei se é o caso de dizermos que tenha ocorrido um estrago à marca, mas se isso realmente aconteceu, será que as vendas do Wii U não poderiam ser afetadas?

[via Nintendo Everything]

relacionados


Comentários