Meio Bit » Baú » Hardware » Outra dica para comprar no breaks: fator de potência

Outra dica para comprar no breaks: fator de potência

25/11/2006 às 14:11

Um dos leitores do Meiobit levantou uma questão interessante no post sobre dicas para comprar um no break: Potência é igual a Diferença de Potencial (em volts) x Corrente (em ampéres). Ou seja, 1 Watt = 1 Volt Ampére. Para os que gostam de física: P = V * I.

Mas isso não é o que ocorre em circuitos de corrente alternada, onde efeitos de capacitância, indutância e resistência influenciam na saída de potência real, ou seja, a potência capaz de realizar trabalho.

Trocando em miúdos, a potência real é aquela que faz o seu PC funcionar de verdade, que fornece os elétrons para renderizar aqueles gráficos 3D maravilhosos e ouvir MP3, baixar arquivos, navegar na internet, ver filmes porn, entre outras coisas.

Os circuitos de no breaks sofrem dos mesmos efeitos e conjuntos de capacitores e indutores ajudam a aumentar sua eficiência, chamada de Fator de Potência (FP). É uma razão entre a entrada de corrente e sua saída, variando de 0 até 1. A relação pode ser interpretada como para cada 1 Volt Ampére fornecido, o equipamento possui saída de 0,5 FP Watts.

Ao pesquisar o seu no break, as duas medidas mais importantes são: a capacidade total em VA e o Fator de Potência, FP.

Usando como exemplo esse modelo da SMS, basta fazer a conta: 700 VA * 0,7 FP = 490 Watts reais. Ao comprar um modelo, olhe na caixa e multiplique. Assim, você sabe se não está levando gato por lebre. Um equipamento de 1000 VA com FP de 0,4 terá apenas 400 Watts de potência real e já não é um negócio tão bom assim.

Inclusive, isso explica a enorme diferença entre fontes de alimentação reais, como Thermaltake, OCZ, Seventeam e as de baixa qualidade como Upson ou Troni (ou qualquer outra xingling).

Para ler mais: Fator de Potência em Circuitos Alternados (leitura light para o fim de semana)

relacionados


Comentários