Meio Bit » Baú » Games » Não há planos para tornar Warhammer Online gratuito

Não há planos para tornar Warhammer Online gratuito

14/10/2011 às 14:55

dori_war_14.10.11

Tendo aparecido como uma das maiores chances de um MMO bater o World of Warcraft, o tempo mostrou que o Warhammer: Age of Reckoning não teria condições de desafiar o rei dos jogos massivos online e com a adesão do modelo Free-to-Play por parte dos títulos do gênero e o lançamento do Star Wars: The Old Republic que se aproxima, era esperado que a criação da Mythic Entertainment, divisão da BioWare, também seguisse por este caminho ou mesmo fosse terminado.

Porém, de acordo com Eugene Evans, vice-presidente do estúdio, o game está indo muito bem e ainda deverá permanecer um bom tempo no mercado.

Todos esses jogos apelam para pessoas diferentes por diferentes razões. Tenho muito orgulho de poder dizer que estou num estúdio que mantêm o Ultima Online desde o seu lançamento – 14 anos. O Dark Age of Camelot acabou de completar 10 anos. Esperamos poder manter esses jogos até que haja interesse do jogador.

Acreditamos na comunidade dos jogadores que estão jogando o Age of Reckoning. Sim, poderíamos ter atraído mais jogadores para ele com o modelo Free-to-Play, mas não está muito claro sobre por quanto tempo os manteríamos. Queremos manter nosso jogo da maneira como ele existe.

A preocupação sobre a dedicação dos gamers no modelo F2P faz sentido e na época do seu lançamento eu cheguei a adquirir o WAR, mas o meu computador não deu conta do recado e nem cheguei a jogá-lo, mas o seu conceito de batalhas entre reinos sempre me pareceu interessante, contudo a cobrança de mensalidade acabou me desanimando, mas quem jogou, recomenda?

[via PCGamer]

relacionados


Comentários