Meio Bit » Baú » Games » Quem diria, a Nuvem da Apple é Made in Redmond

Quem diria, a Nuvem da Apple é Made in Redmond

07/09/2011 às 10:43

ballmerazure Desde Junho quando começaram os testes do iCloud vários fuçadores perceberam que o tráfego do serviço de nuvem da Apple ia direto para servidores Windows Azure e AWS da Amazon.

A experiência da Apple em hospedar serviços online de grande disponibilidade nunca foi boa. O iTunes é conhecido por ser lento, o Mobile.Me vive caindo. Migrar milhões de usuários para uma estrutura de nuvem, incluindo streaming de músicas e sincronização constante de arquivos é a receita do desastre, e se a Apple quer desastre sai mais barato chamar o Sculley de volta.

O Windows Azure tem uma das estruturas mais robustas do mundo, fornecendo escalabilidade, armazenamento e versatilidade. São 24 datacenters espalhados pelo mundo, qualquer pico de consumo pode ser respondido por alguns cliques ou automaticamente.

A estrutura da Amazon por sua vez é usada… por todo mundo. Quando saem do ar –raríssimo mas acontece- é um barata-voa em toda a Internet.

Segundo o Guardian a Apple está usando bem mais que o armazenamento do Azure, estariam usando todos os serviços de computação e banco de dados SQL Azure. Isso colocaria a Amazon em uma posição estranha, pois seu serviço é basicamente Linux. Isso significa que a Apple estaria virtualizando ambientes Microsoft nas máquinas Amazon, já que o iCloud estaria dividido entre os dois fornecedores.

A Apple, claro, não fala nada. A Microsoft, que propagandeia para todo lado os grandes clientes do Azure, está de bico fechado. Amazon também nem uma palavra. Pelo visto o contrato é grande o suficiente para comportar uma cláusula de silêncio.

Do ponto de vista técnico, nada demais. Os únicos excitados ou indignados com a notícia são os fanboys. Já os CIOs da vida estão de olho, segurar um serviço como o iCloud é uma excelente validação, algo que todo cloud provider busca.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários