Meio Bit » Baú » Games » CEO da EA e sua empolgação pelo Wii U

CEO da EA e sua empolgação pelo Wii U

12/07/2011 às 13:33

dori_wiiu_12.07.11

E a cada executivo de desenvolvedora que se pronuncia em relação ao Wii U fica mais evidente que, pelo menos por enquanto, é apenas um grupo de jogadores que não acredita no console ou que não está empolgado com a adição de uma nova tela aos jogos eletrônicos. Todo mundo que pretende criar para o novo videogame da Nintendo tem declarado estar gostando da ideia de ter uma nova plataforma poderosa no mercado e com as possibilidades que se abrirão graças a tela de alta definição presente no controle do aparelho. O último a defendê-lo foi John Riccitiello, CEO da Electronic Arts.

É uma plataforma de alta definição e adoro o controle. Simplesmente acho ele legal. Você é um jogador - então você tem a tela aqui, em suas mãos e tem a tela da TV ali e tem todo o controle. Pessoalmente, enquanto existem algumas grandes experiências no Move e no Kinect, não sou o cara de controles de movimento, eles continuam sendo imprecisos para mim. Gosto de atirar em algo e o acertar, gosto de virar numa esquina e sentir a precisão. Então ainda gosto dos meus belos analógicos, botões de ombro, Xs e círculos. Mas há algo em relação a ter a segunda tela que transcende tudo o que já vi anteriormente.

Eu posso desenhar um modelo de passe para o Madden, jogar um FPS enquanto chamo um ataque aéreo ou qualquer coisa que queira fazer. Posso dar todos os detalhados controles fora da tela, ver outra parte do mapa… Acho que há algo realmente poderoso em relação a segunda tela que realmente importa e penso que estamos apenas começando a perceber o que poderemos fazer e é óbvio que poderemos fazer muita coisa com ele.

Diante de tantos elogios por parte das pessoas que realmente tiveram algum tipo de contato com o Wii U, fica difícil acreditar que todos estejam errados, porém, resta saber até onde vai a empolgação por estarem diante de um novo videogame que provavelmente aumentará seu público e potencial de vendas e até onde vai a impressão deles como gamers.

[via CVG]

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários