Meio Bit » Baú » Fotografia » Sony NEX-C3 e Sony SLT-A35

Sony NEX-C3 e Sony SLT-A35

09/06/2011 às 1:23

Hoje foi o dia do anúncio oficial de duas câmeras bem interessantes da Sony. A empresa mostra que vai apostar pesado nos filões tecnológicos recentes que criou, mesmo com algumas críticas pesadas há algumas características desses novos sistemas. Outra observação a ser feita, e que está se tornando uma constante em toda a indústria fotográfica, é que a portabilidade com qualidade é um caminho a ser seguido. Talvez essa seja uma mudança de hábito do público mais exigente, mas ainda temos um longo caminho a percorrer para que esse tipo de câmera seja uma preferência majoritária. Depois desse pequeno momento de reflexão vamos ao que realmente interessa, as novas câmeras anunciadas pela Sony hoje.

A primeira que chega ao público é a SLT-A35. Essa câmera está dentro da tecnologia de espelho translúcido criada pela Sony. Essa é a jogada da empresa para que o sistema de autofocus durante a execução do live view e a filmagem tenha uma resposta mais rápida. A única característica que me incomoda no equipamento é a utilização de um view finder eletrônico no equipamento. Essa nova câmera vem para substituir a SLT-A33 e o anúncio oficial aponta que ela está usando um novo e redesenhado sensor EXMOR (CMOS retroiluminado) de 16 megapixels. Segundo a Sony esse novo sensor vai ter um consumo menor de bateria e um desempenho termal melhorada. Aqui cabe uma explicação. As câmeras dessa linha tiveram várias críticas afirmando que a função de filmagem era interrompida bruscamente em zonas quentes do planeta, por conta do aquecimento do sensor. Espero que o problema tenha sido resolvido.

Finalizando, também temos a filmagem em Full HD com 1080pixels e a capacidade de fazer um máximo de 7 fotos por segundo no modo contínuo. Porém, essa incrível velocidade só é possível com a resolução de 8 megapixels. A câmera executa um corte na superfície do sensor e utiliza apenas a parte central para executar esse processo. Outra novidade é a existência de filtros artísticos que podem ser adicionados para aplicar efeitos nas filmagens. Esse recurso vai estar disponível para as SLT-A33 e SLT-A55 com uma atualização de firmware que vai estar disponível em 20 de junho. Tudo para deixar os clientes felizes. A Sony SLT-A33 vai estar disponível com a lente 18-55mm ao preço de US$ 700,00.

Outra que chega aos consumidores é a NEX-C3 que vem a ser mais uma adição a linha de câmeras com lentes intercambiáveis e sem espelho. A câmera vai utilizar o mesmo sensor da SLT-A33 com a mesma promessa de autonomia da bateria. Também temos a adição dos filtros artísticos no equipamento e do ponto de vista estético a empunhadura foi toda redesenhada deixando a câmera um pouco mais bonita do que as versões anteriores. O foco aqui são pessoas que querem sair de suas câmeras compactas para uma reflex, mas não querem andar com equipamentos grandes e pesados. A Nex-C3 tenta unir a portabilidade com a qualidade de imagem. A Sony NEX-C3 vai chegar ao consumidor em dois kits. A câmera pode ser comprada por US$ 649,00 com a lente 18-55mm ou por US$ 599,00 com a lente 16mm f/2,8.

Junto com as câmeras tivemos dois acessórios bem bacanas. O primeiro é a lente 30mm f/3,5 Macro que é anunciada como a mais leve do mundo. Ela possui foco interno, capacidade de aproximação de 1cm e capacidade de ampliação com fator 1:1. Ela deve chegar ao consumidor com um preço sugerido de US$ 250,00. O segundo acessório é um flash ultra compacto que dispensa baterias. O HVL-F20S é pequeno, leve, possui cabeça ajustável e será alimentado pela bateria da própria câmera. O pequeno flash vai estar disponível ao consumidor ao valor sugerido de US$ 150,00.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários