Meio Bit » Baú » Internet » Google anuncia widget de pessoas contextual para o Gmail

Google anuncia widget de pessoas contextual para o Gmail

Google anuncia widget contextual de pessoas para o Gmail. Ações corriqueiras no cliente de email da empresa ficam centralizadas e ao alcance de um clique.

27/05/2011 às 8:24

O que é mais útil que anúncios na barra lateral do seu cliente de email? Praticamente, qualquer coisa. Apesar dessa liberdade que a premissa de tornar o quase esquecido lado direito do Gmail mais interessante, a Google foi além e, no blog oficial do serviço, anunciou algo que pode realmente fazer a diferença no dia-a-dia.

Com disponibilização gradual, como acontece quando não inventam de distribuir convites, o widget de pessoas do Gmail surge acima dos anúncios, abrangendo todos os contatos que participam da thread em exibição, ou seja, de forma contextual.

Widget de pessoas em troca de mensagens individuais.

Widget de pessoas em troca de mensagens individuais.

Dali, quem estiver lendo a(s) mensagem(ns) poderá iniciar um bate-papo, inclusive em grupo; enviar um novo email; ou ainda marcar um compromisso no Google Agenda. Em trocas de mensagens com uma única pessoa, além dessas possibilidades ainda rola um resuminho da sua relação com ela, com trocas de mensagens, interações no Buzz (alguém ainda usa?), compromissos e documentos compartilhados no Docs.

Tudo isso já é possível atualmente, mas por caminhos mais complicados. Essa contextualização facilita, em muito, estender as relações que acontecem via email. Torna ágil uma resolução de problema pelo bate-papo ou o agendamento de uma reunião, por exemplo.

Apesar dos benefícios que o fato de ser uma ferramenta nativa traz, a ideia não é exatamente nova. Para o próprio Gmail, existe o Rapportive. Outros clientes, inclusive offline, possuem mecanismos semelhantes, como o Xobni para Outlook.

A ideia é boa e não vejo a hora de ser habilitada na minha conta. Melhor que isso, só quando tivermos, enfim, bate-papo em grupo por vídeo chamada no Gmail. Quando, Google, QUANDO!?

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários