Meio Bit » Baú » Games » Após tablets, games receberão incentivos fiscais - Update

Após tablets, games receberão incentivos fiscais - Update

26/05/2011 às 11:50

dori_imp_26.05.11

O Correio Braziliense publicou hoje cedo uma matéria pela qual todos os gamers vinham esperando há anos. Nela foi revelado que em breve os videogames deverão receber o mesmo tipo de estímulo fiscal dado aos tablets e na teoria, se isso se confirmar o preço dos jogos eletrônicos praticado por aqui deverá cair consideravelmente. Talvez nem seja preciso lembrar, mas no Brasil a taxa de impostos cobrados pelos games pode chegar a absurdos 80% e como todos nós sabemos, esse valor arrecadado costuma ser muito bem utilizado na melhoria das cidades, na construção de escolas e hospitais.

Mas voltando ao assunto principal, a confirmação foi feita pelo ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, que declarou que o ministro de Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante também acredita no crescimento do mercado e disse o seguinte ao jornal:

O Brasil é grande exportador de conteúdo para esses jogos e tem o quarto maior mercado do segmento, além de um grande potencial para crescer. Ao contrário do que ocorre em países como a Coreia do Sul, onde o mercado de games é movido pela atualização de equipamentos, o Brasil tem a oferecer clientes novos.”

De acordo com o político, o governo pretende levar ao videogames os incentivos previsto pelo Processo Produtivo Básico (PPB), que reduziria, por exemplo, o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) de 15% para 3%, mas se o modelo adotado for o mesmo utilizado nos computadores, pelo menos 20% dos componentes utilizados na montagem do produto teriam que ser nacionais e sobre o ICMS, caberia aos estados oferecer a isenção.

Com a confirmação vindo do próprio ministro, parece que dessa vez o preço ficará realmente menor, mas depois de esperar por tantos anos, eu só acreditarei que os games se tornarão mais acessíveis quando eu entrar numa loja e ver que um lançamento passou a custar muito menos do que R$ 199.

Update: O sonho durou pouco. Em nota oficial o ministro disse que a matéria é falsa, portanto, pode esquecer a redução dos impostos para tão cedo.

"A matéria do Correio, assinada por dois jornalistas com os quais não conversei, "informa" que o Planalto prepara MP para dar aos games os mesmos incentivos concedidos aos tablets. Seria uma boa notícia, não fora falsa. Não falei em MP e deixei claro ao jornalista com quem conversei, que era matéria a ser trabalhada, discutida no governo," disse Paulo Bernardo.

[Com dica do @davidraposo]

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários