Meio Bit » Arquivos » Hardware » D-Link, incompatibilidades e problemas cumulativos

D-Link, incompatibilidades e problemas cumulativos

10/09/2006 às 20:03

Foi-se o tempo em que um problema tinha uma única origem. Hoje, com a complexidade dos computadores, você pode encontrar várias fontes insuspeitas de problemas. Um bom exemplo foi com meu modem/roteador DSL, um D-Link 502G de segunda geração.

Eu não conseguia criar usuários, regras de entrada, nada. Quase sempre era recebido com um erro "invalid command". Curiosamente, a configuração principal, com senha, DNS, etc, ele aceitava. Obviamente o hardware foi condenado. Por pouco não comprei outro, mas como após um hard reset para as configurações de fábrica ele mal ou bem funcionou, deixei.

Hoje fui resolver o problema. Depois de muita pesquisa, achei os culpados:

1 - o antivirus. SIM, Virgínia, o AVAST. Ao desligá-lo, ao invés da mensagem "invalid command", a janela de mensagens do modem respondeu ao comando de criação de regra com um "HTTP Error 501 - Not implemented". Já temos alguma coisa.

Se o modem recebeu um comando HTTP que não entendeu, quem mandou esse comando? Bem, só pode ser o navegador. Aí achei o SEGUNDO culpado:

2 - o Firefox. Por algum motivo um protocolo não está bem implementado, e o modem não entende a stream de dados. Ou, mais provavelmente, a implementação no modem é defeituosa. Para mim, enquanto usuário final, não adianta de NADA ficar apontando culpados, eu quero é que funcione.

Quem salvou o dia? Internet Explorer. Sem o antivirus ligado, o Explorer funciona perfeitamente com as páginas de configuração do modem, porque provavelmente foi o único navegador usado durante o desenvolvimento da interface.

Nota zero para a D-Link por produzir um webserver que deveria seguir padrões e não o faz, zero para a AVAST por fazer um excelente antivírus mas não torná-lo transparente de verdade, e nota dez para mim por ter resolvido meu problema.

relacionados


Comentários