Meio Bit » Baú » Internet » Google não permite a criação de email para recém-nascidos e gera dúvida em torno do comercial 'Dear Sophie'

Google não permite a criação de email para recém-nascidos e gera dúvida em torno do comercial 'Dear Sophie'

Google esclarece problemas que pais zelosos estão tendo na tentativa de imitar o comercial "Dear Sophie".

10/05/2011 às 10:50

O comercial óunnnn do momento é o "Dear Sophie", da Google para promover o Chrome (e outros serviços), veiculado na semana passada — e que mostramos aqui. Se você não viu ou quer recordar, dê o "play":

http://www.youtube.com/watch?v=R4vkVHijdQk

O vídeo mostra um pai antenado que cria uma conta de email no Gmail para sua filha recém-nascida, a querida Sophie, e usa os serviços da Google para registrar a vida da pequena.

Inspirados pelo comercial, muitos pais de primeira viagem decidiram copiar a ideia com seus filhinhos que acabaram de chegar ao mundo. Muitos deles, porém, se depararam com um erro no formulário de cadastro da Conta Google.

Um dos pais reportou o "causou" ao TechCrunch. Ele disse que não entendeu o porquê de ter dado erro, então, após algumas tentativas frustradas corrigindo campos diversos do formulário, o mesmo avisou de que a idade (que ele colocara a do dia em questão) não podia ser aquela, juntamente com um link da FTC com informações do COPPA, a legislação americana que regulamenta o uso da Internet por crianças (menores de 13 anos).

Em outros termos, você não pode criar uma Conta Google para crianças.

O TechCrunch entrou em contato com a Google que, espertamente, se saiu bem da saia justa — afinal, poderia alguém alegar que o comercial Dear Sophie é um tipo de propaganda enganosa, sem falar que potencialmente fere os termos de uso do Gmail. Disse um representante da empresa:

Essa história é sobre um pai que abre uma conta no Gmail e usa a web para se comunicar com sua filha do seu nascimento até o futuro. Não é uma história de um pai abrindo uma conta no Gmail para sua filha usar; nosso sistema impede que usuários identificados como menores de 13 anos abram contas."

Ah sim, agora faz sentido. Mas que no vídeo se tem a sensação de que o pai abriu uma conta para a filha, disso não há dúvida...

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários