Meio Bit » Baú » Internet » Altoids celebra as estrelas do Facebook

Altoids celebra as estrelas do Facebook

Altoids lança vídeo viral que destaca os tipos mais comuns e estranhos a vagar pelo Facebook.

26/04/2011 às 19:43

altoids_facebook_awards.jpg

A Altoids, um ícone norte-americano na fabricação de balinhas anti-bafo e amargura, acabou soltando um viral bastante interessante na rede.

Em épocas onde é difícil se destacar em meio à cultura do "somos todos únicos" (oy?), os vídeos virais acabam sendo a saída mais óbvia para investir um orçamento mais enxuto em meio ao grande risco de se expor da maneira correta.

O problema é que não é tão fácil assim atingir um grande público. Essa máxima não vale, claro, para o escarnecer ridicularizante de algum pobre coitado que acha que virou artista ou então o puro e simples, bom e velho, absurdo.

Dessa vez, parece que a Altoids encontrou o ponto certo do docinho que todo mundo quer, explorando exatamente a linha do meio.

O filme descreve alguns tipos que poderiam até serem chamados de ridículos, não fosse o bom gosto de unir uma boa dose de humor com ótimo sabor a uma produção bacana.

A brincadeira acaba por questionar de maneira bem engraçada os principais grupos de massa formados no Facebook. De quebra, já emplaca uma campanha interessante e, como disse... bem viral.

Dos tipos destacados, re-visitei cada um dos seus perfis. :

  • The Like-a-lot: é aquela gazela saltitante, super "lindinha", que faz o tipo "eu curto tudo", mas não do jeito que você está pensando...
  • The Lyric Lover: não é músico, nem rockstar, mas curte o que eles dizem e atolam o seu timeline com as letras de música que ele "acha" que comprovam isso.
  • The Princess Snapshot: sabe aquela cabrocha que verdadeiramente acredita que não necessários alguns milhares de retratos no mesmo ângulo para que possamos "entender" a sua funilaria? Então...
  • The Food-o-Graffer: um tipo especial, fruto da nova era: investigações fotográficas persistentes e exclusivamente voltadas para coisas mastigáveis, nunca pessoas.
  • The Oversharer: existem muitas celebridades - no Twitter então - que morrem se não disserem que acabaram de soltar uma bufa em frente a um "inimigo mortal" ou então que estão a ler um poema do século retrasado no banheiro do backstage de alguém que você nem nunca ouviu falar. O lugar favorito desse tipo para "facebookar", por acaso, é o trono.
  • The Advice Addict: normalmente, o tipo com o mais alto grau de auto-combustão no seu grupo de amigos. Ninguém sabe ao certo como ele vai parar lá, só se sabe a velocidade com a qual pega fogo quando você não aceita suas "pílulas" diárias de sabedoria ou quando toma suco de "unfriend" quente e sem açúcar.
  • The Holdout: desse, ninguém sabe, ninguém viu...
  • The Hipst-o-Grapher: entende tudo de "looks" e está sempre na moda. Ele não sabe, mas é perneta, não tem um dos dedinhos do pé e sofre de deficiência de heterocromatina. Ah, é cego também.
  • The Lurker: pode ser um pedófilo que gosta de omelete com doce de leite, pode ser uma banguela feia que adora morder virilhas ou pode ser apenas um queridão tímido demais para dizer "Olá". Eles rondam, cercam e bisbilhotam, mas raramente curtem ou comentam alguma coisa. Vai que alguém escuta...?
  • The Jet Setter: uma vez ouvi uma frase (anterior ao Facebook) que explica bem esse aqui. "É cheio de querer dar uma de magnata Rei do Gado, mas não tem terra nem debaixo da unha". Pode ser uma mutação de qualquer um dos outros estereótipos, é impossível definir isso.
  • The Past Blaster: Uma mutação do Food-o-Grapher com uma tara especial por traça, mofo, cortes de cabelo horrível e cartões de fidelidade em brechó. Se não conseguir escanear fotografias de mil novecentos e guaraná com rolha, vai gastar todo o salário em um iPhone 4 e apps como o Instagram e afins.
  • The Friend Tycoon: E porque não dizer que este aqui não é o retrato mais fiel do Zuckerberg-Saverin-WannaBe que faz tratamento de pele com Óleo de Peroba Cacique e diz que terá imenso prazer em ser seu amigo, só porque vocês tem algum outro amigo em comum?

PS: O solo vocal do Food-o-Grapher é impagável?

E aí? Mais algum tipo a destacar?

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários