Meio Bit » Baú » Games » Nintendo e Ubisoft pegam pesado com We Dare

Nintendo e Ubisoft pegam pesado com We Dare

Ubisoft anuncia We Dare, jogo adulto (e de gosto duvidoso) para Nintendo Wii.

25/02/2011 às 20:37

Sinônimo de jogo família, a Nintendo ainda hoje colhe os louros dessa sua abordagem casual, mais descompromissada. O fato das suas principais concorrentes, Microsoft e Sony, terem lançado (tardiamente, mas enfim) acessórios que, a exemplo do Wii da Big N, também deixam de lado os joysticks tradicionais em prol de interfaces mais naturais e animadas, pode ser encarado como a redenção de que a grana (também) está na sua irmã que gosta de Restart e nos seus pais que pensam que video game é máquina de criar psicopatas.

Wii Dare

Tudo que é demais, porém, faz mal. A pega exclusivamente família do Wii cansa, e cansa bem rápido, razão essa que justifica a saturação de mercado que o console enfrenta desde 2009. Quando você quer passar um tempo com seus priminhos pentelhos, ou fazer uma sessão de Wii Sports com sua família, ele cumpre muito bem o seu papel. Mas e na hora da solidão, ou quando a vontade de encarar algo desafiador e/ou mais sério, adulto, pinta? Red Steel, definitivamente, não conta. Sim, donos de Wii ficam na mão.

E é essa lacuna que pode sacramentar o fim do Wii. A Microsoft, na primeira leva de games para o Kinect, apostou tudo nos jogos casuais, mas não demorará muito para que os games hardcore que o utiliza cheguem ao mercado — rumores de um "Gears on Trail" pululam por aí. A Sony não perdeu tempo, KillZone 3, lançado nessa madrugada inclusive no Brasil, já suporta o Move, e a expectativa é de que mais games com temáticas adultas usando o vibr... pitoresco acessório com a bolinha iluminada na ponta cresça (figurativamente, se é que me entendem). E a Nintendo?

Resposta a essas investidas da Microsoft e Sony ou não, a Nintendo liberou a Ubisoft para produzir o, no mínimo bizarro, We Dare. É um jogo.... ahn... como explicar... é o tipo de jogo que não causaria confusão se fosse encontrado à venda num sex shop. O trailer, vergonha alheia nível 99, mostra dois casais "jogando" We Dare, em brincadeiras pra lá de estranhas, como morder o Wii Remote fingindo que ele é uma maçã, ou enfiá-lo no fiofó enquanto o parceiro lhe bate na bunda para que seus avatares voem por dentro de arcos no game. E tem a parte do pole dance na qual, sinceramente, não descobri onde estava o Wii Remote — e, por deus, não quero nem saber o local.

http://www.youtube.com/watch?v=Bxd96qRa6wY

Risadinhas pra cá, roupas voando pra lá, gente mordendo o Wii Remote sujo cheio de germes... Poxa, Nintendo, poxa. Só faltou chegar o entregador de pizza pra completar o climão de pornô de quinta.

Saudades do tempo em que a coisa mais hardcore que existia em seus consoles eram os violentos arremessos de cascos de tartaruga em karts indefesos. Não era nada sexy, mas também passava longe de ser embaraçoso, e de quebra ainda divertia horrores.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários