Meio Bit » Arquivos » Fotografia » Sony adota visor translúcido em toda linha Alpha

Sony adota visor translúcido em toda linha Alpha

25/02/2011 às 15:50

Olha só a Sony querendo mudar o mundo novamente. Todo mundo sabe que a empresa foi uma pioneira quando a fotografia digital começou a engatinhar, mas o ponto dominante da Sony sempre foi as câmeras compactas. Quanto os fabricantes mais tradicionais começaram a lançar câmeras Reflex a concorrências se desequilibrou. Foi necessário comprar a Minolta para ter acesso a conhecimento e tecnologia e finalmente lançar a Alpha 100, a sua primeira câmera DSLR. Algum tempo passou e agora encontramos várias câmeras Sony DSLR a venda no mercado, mas a empresa quer mais.

Infelizmente, eles nunca foram lideres de venda nesse setor. Por conta disso agora estão apostando em inovação para tentar chegar a um patamar mais respeitável entre as câmeras voltadas para o público avançado. Executivos da Sony teriam afirmado de maneira oficial que todas as futuras câmeras da série Alpha agora vão ser equipadas com a tecnologia de espelho translúcido que foi desenvolvida para as câmeras SLT A55 e SLT A33. Quando essas duas câmeras foram lançadas, eu fiz uma crítica severa ao fato de que o novo sistema, intitulado de Single Lens Translucent, tinha um defeito fatal: o visor eletrônico em vez do visor ótico.

Por toda essa perspectiva a Sony não vai mais produzir câmeras DSLR. Todos seus equipamentos vão ser de visor eletrônico, o que a meu ver é uma grande involução. Mas, não é a visão deles, já que a propaganda oficial da empresa diz "Da mecânica à eletrônica, da evolução limitada à evolução sem limites". Será? A próxima câmera que deve ser lançada dentro dessa nova perspectiva produtiva é a Alpha 77, cuja boataria corre solta no mundo da fotografia on-line.

Em toda minha vida, tive pouco acesso às câmeras DSLR da Sony. Alguns dos meus alunos já fizeram os meus cursos com câmeras de entrada e tive o contato com as top de linha nas feiras de fotografia. A minha impressão é que a linha profissional é quase perfeita e a linha de entrada é bem frágil, lembrando câmeras de brinquedo mesmo. Eu não sou analista de mercado, nem mesmo entendo de marketing, mas sou usuário de câmeras há muito tempo e acho que a empresa está tomando uma decisão errada. Visores eletrônicos causam arrepio no pessoal que está acostumado com um bom visor ótico, mas pode ser muito atrativo para quem está trocando a compacta por uma câmera mais avançada, justamente por desconhecer a qualidade absurda do sistema ótico. Dessa forma vamos ter que esperar a reação do público consumidor para saber se essa tendência vai se disseminar ou não.

Fonte: Foto Actualidad

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários