Meio Bit » Baú » Games » Platinum: Jogos ruins são feitos em todo lugar

Platinum: Jogos ruins são feitos em todo lugar

Para produtor da empresa, é injusto dizer que as produtoras japonesas são piores que as ocidentais.

25/02/2011 às 10:11

dori_bay_25.02.11

Quem acompanha os games desde as gerações dos 8 ou 16-bits muito provavelmente não gosta muito de ouvir pessoas criticando a indústria japonesa ou torce para que um dia as produtoras daquele país voltem a ser consideradas as maiores do planeta. Embora Namco, Konami, Nintendo, Square e Capcom, continuem tendo um relativo sucesso por essas bandas, principalmente com suas franquias mais antigas, é inegável que elas perderam muita força de alguns anos para cá e mesmo figuras como keiji Inafune não se cansam de dizer que eles precisam melhorar muito para chegar ao nível atual dos ocidentais.

Já Atsushi Inaba, produtor da Platinum Games, tem uma opinião diferente e para ele não é justo dizer que tudo o que é feito por lá não presta e em resposta ao criador do Mega Man, disse:

Não é como se a Platinum Games estivesse tentando apresentar um modelo para a indústria japonesa de jogos e na minha opinião, não é muito significativo segmentar a indústria entre japonesa e americana. Em qualquer lugar que você vá haverá dois tipos de desenvolvedoras. As boas que tem ideias brilhantes, paixão, meios e recursos para transformar essas ideias em jogos e o outro tipo são os estúdios ruins, não tão bons no que fazem e estes estão naturalmente fadados ao fracasso.

Realmente, existe mesmo coisas boas e ruins sendo feitas em qualquer lugar, mas também não há como desconsiderar que há anos não são mais os japoneses que ditam as regras. Hoje em dia as produtoras de lá tentam criar games ocidentalizados, muitas vezes sem obter sucesso e um jogo tipicamente japonês não consegue vender tanto no ocidente quanto antigamente e acredito que isso aconteça porque os consumidores que passaram a gostar de videogames há pouco tempo não aceitam tão bem algumas bizarrices criadas por eles. Além disso, é fácil perceber que enquanto os ocidentais conseguiram elevar o nível de suas produções, houve uma sensível queda na qualidade ou estagnação em alguns jogos feito Japão, como no SIlent HIll, no Pro Evolution Soccer, no Final Fantasy

[via PLAY Magazine]

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários