Meio Bit » Arquivos » Games » 3DS terá trava por região e bateria “pequena”

3DS terá trava por região e bateria “pequena”

Com trava de região e bateria com duração de cinco horas, novo portátil da Nintendo já recebe suas primeiras critícias.

11/01/2011 às 16:41

dori_3ds_12.01.11

Jogando água no chope de muita gente que estava ansioso para pegar um 3DS, a Nintendo confirmou duas características do portátil de dificilmente serão bem aceitas pela maioria. A primeira dela fala sobre a duração da bateria. Quando estivermos jogando um título do videogame com a opção de 3-D estereoscópico ligado, teremos algo entre três e cinco horas até que a carga acabe, já se o game jogado for para o antigo DS, a bateria deverá durar até oito horas, mas desde que o brilho da tela esteja selecionado como o mais fraco. Esse sem dúvida é um grave problema para um videogame portátil, algo que foi duramente criticado no PSP e a justificativa estaria na necessidade do aparelho ter que renderizar duas imagens ao mesmo tempo, uma para cada olho.

A segunda má notícia também vai contra o conceito de um portátil - ainda mais hoje em dia, quando até o PS3, um console, já eliminou essa praga - e se trata da trava por região. Dessa forma os jogos comprados na Europa só funcionarão em 3DSs fabricados naquela região, assim como o modelo americano só rodará jogos fabricados nos EUA e o mesmo acontecendo com os videogames vendidos no Japão. Embora isso possa ser considerado por muitos como um tremendo retrocesso para a BigN, já que o Game Boy Advance e o DS não tinham esse “defeito”, a trava por região já havia sido implementada tanto no DSi quanto o DSi XL, algo que confesso, não sabia.

Com isso os jogadores que estavam interessados em adquirir o portátil para serem usados em longas viagens ou em alguma visita a outro país deve pensar bem antes que investir no videogame.

[via GameInformer e Eurogamer]

relacionados


Comentários