Meio Bit » Baú » Indústria » A evolução dos tablets, segundo a Motorola

A evolução dos tablets, segundo a Motorola

Motorola desdenha concorrentes no segmento dos tablets e faz mistério sobre o MOTOPAD, tablet que virá com Android 3.0 "Honeycomb".

21/12/2010 às 14:28

Aqueça os motores, não exagere nas festas de fim de ano e não abra a carteira ainda (com exceção para o Steam): a CES 2011 começa no dia 6 de janeiro e algumas fabricantes já se insinuam sobre o que veremos numa das maiores feiras de tecnologia do mundo.

A Motorola, por exemplo, está criando hype em torno do seu tablet, conhecido como MOTOPAD. Ele já apareceu timidamente nas mãos de um Googler, quando a interface do Android 3.0 tornou-se pública — o que não quer dizer muita coisa, já que ela deve receber melhorias e mudar bastante até o lançamento.

No comercial-teaser (abaixo), vários "tablets", da antiguidade até 2010, são mostrados. Em todos, sem exceção, existe algum problema, o que, segundo a Motorola, não se repetirá com o seu. Ficou curioso para saber os problemas do iPad e Galaxy Tab? Esses:

  • iPad: "É como um iPhone gigante, mas... é como um iPhone gigante."
  • Galaxy Tab: "Android OS, mas Android OS... para um telefone."

No fim das contas, o MOTOPAD não dá o ar da graça. Ele é mostrado sob um pano negro, com o (novo) símbolo da Motorola no rodapé, e uma abelha voando ao redor. Não, ninguém derrubou refrigerante ali; a abelha é uma singela referência ao Android 3.0, segundo a Google, o Android para tablets, cujo codinome é "honeycomb" (favo de mel, em inglês).

Pode não ser o melhor tablet do mundo, mas esse teaser nos deixou curiosos. Se é tudo isso mesmo ou mero capricho do time de marketing da Motorola, só saberemos em janeiro.

Agradecimentos ao Márcio Althmann, por compartilha o vídeo. Valeu!

relacionados


Comentários