Meio Bit » Baú » Games » Nintendo DS: Primeiras Impressões

Nintendo DS: Primeiras Impressões

11/04/2006 às 2:41

Finalmente tive coragem de comprar um Nintendo DS, depois de muita pesquisa. Eu estava entre o DS e o Sony PSP, mas acabei decidindo pelo console da Nintendo por alguns motivos:

1. O preço dos jogos é menor que o PSP, com diferença de até 30 dólares;
2. A bateria dura entre 6 e 10 horas, dependendo do jogo e das aplicações. A vida útil são 500 ciclos de carga, quando ela começa a perder a capacidade máxima. Se alguém joga 5 horas por dia, todos os dias, a bateria irá durar mais de 2 anos. Uma nova custa 15 dólares.
3. Jogos de Game Boy Advance disponíveis!
4. Os novos jogos para DS são capazes de 3D real. É como ter um Nintendo 64 portátil.
5. Mobilidade e cartuchos combinam muito bem. Nada de discos girando a velocidades incríveis, consumindo energia e passíveis de erro de leitura.

O console é muito robusto, mas não é elegante nas formas como o PSP ou mesmo pequeno a ponto de caber num bolso. Ele é tão volumoso quanto o Game Boy original, talvez até um pouco mais espesso. Não há ajuste de constrate e brilho. Esses pequenos problemas foram resolvidos no Nintendo DS Lite, mas ele ainda nem foi lançado nos EUA e ainda há problemas de distribuição na Ásia.

Ele possui 2 encaixes para cartuchos: um para os novos jogos DS e outro para Game Boy Advance.
A tela inferior, sensível ao toque, muda a relação com o console, pois agora, com toda essa capacidade de processamento, é possível rodar aplicações semelhantes a um palm: ouvir música, assistir filmes, navegar na web. Já mencionei um acessório que funciona como um HD de 4GB para ele. Não apenas isso, a Nintendo está criando novos jogos que utilizam essa tela, como o novo Zelda, em que você pode traçar a trajetória do bumerangue, por exemplo.

O DS é capaz de se conectar através do protocolo wireless 811b com velocidade entre 1Mbps e 2 Mbps através de um access point, mas o meu atual D-Link 514 é incompatível com o aparelho ($%$^@#@%#%#^3 de router!!!). O Falcon testou o WRT54G, e ele está na lista dos recomendados pela Nintendo se for a versão 3, assim como o D-Link 524 versão C1, e o 624 versão C3.

Quanto ao primeiro jogo que escolhi para ele, foi na verdade um de Advance, The Legend of Zelda: The Minish Cap. Liguei para um "teste rapidinho" e só olhei para o relógio novamente quatro horas e meia depois...

relacionados


Comentários