Meio Bit » Arquivos » Internet » Comprando no Exterior

Comprando no Exterior

Muita gente tem curiosidade sobre compras no exterior. São seguras? É roubada? Bom, eu já tive experiências de duas formas: pela LanBox e comprando diretamente. Qual a diferença? Na Lanbox, você paga 20 dólares por ano e eles criam um endereço 'virtual' pra você em Miami. Aí, de lá, mandam

01/04/2006 às 9:13

Muita gente tem curiosidade sobre compras no exterior. São seguras? É roubada?

Bom, eu já tive experiências de duas formas: pela LanBox e comprando diretamente.

Qual a diferença? Na Lanbox, você paga 20 dólares por ano e eles criam um endereço 'virtual' pra você em Miami. Aí, de lá, mandam para sua casa. Você faz a compra na loja que quiser e coloca o seu endereço virtual, e a Lanbox entrega. Eles ganham com a taxa anual que você paga e com o frete para o Brasil, que é por conta deles.A Lanbox é vantagem no casos de produtos que não são entregues normalmente para o Brasil. Como, por exemplo, quando comprei 6 cópias do jogo World of Warcraft pela Amazon (3 amigos meus queriam e não tinham cartão internacional, vendi duas no Mercado Livre e outra cópia está sobrando aqui), que só faz entregas para o Brasil de DVDs e livros. Também usei a Lanbox para comprar uma case USB2.0/Firewire para meu HD externo na Tigerdirect.

Já em caso de DVDs e livros na Amazon é só fazer a compra diretamente lá. Isto também serve para lojas que entregam qualquer produto no mundo todo, como a Lik-Sang.

Impostos: É cobrado em torno de 55% (o imposto é de 50%, mas há umas taxas novas que o nosso querido Lula inseriu recentemente) sobre o valor do produto, e você tem que retirá-lo no correio e pagar em dinheiro. Com a Lanbox, eles já cobram o imposto em cima do seu cartão e chega em sua casa.

Apenas livros estão livres de impostos. Já comprei livros e DVDs na Amazon. Comprei uma coleção de 6 DVDs da quarta temporada do seriado Angel por 39.99 dólares, e tive que ir buscar no correio e pagar os 50-60% a mais. Com livro, não há esse problema, chegam diretamente em sua casa.

Mas prepare-se. Cada World of Warcraft acabou me saindo em torno de 230 reais com imposto, frete da Lanbox e etc. Só pedi porque já tinha quem comprar.

Já na Lik-sang tive uma experiência agradável. Queria comprar um cabo S-Video para melhorar os gráficos do Playstation 2 (e acredite, a diferença é enorme, ainda postarei sobre isso) e por aqui custa em torno de R$ 50. Lá, o cabo era 0.99 dólares (esse aqui). Acabei comprando outras tranqueirinhas (plataforma para deixar o PS2, tb 0.99, entre outras coisas) e meu pedido não deu mais que 10 dólares. No total, 28 dólares, pois houve 18 de frete. Talvez pelo valor baixo da compra (a compra, não o frete), acabou passando batido e não paguei imposto. Então comprei várias coisinhas que são difíceis de achar por aqui gastando menos da metade do que gastaria comprando no Brasil. Chegou em 10 dias aqui em casa.

A Lik-Sang, a Play-Asia e outras lojas aceitam Paypal. Grande parte dos vendedores do ebay também (porém no ebay, alguns vendedores não entregam fora dos Estados Unidos, preste atenção nisso). Para abrir uma conta no Paypal, é necessário um cartão de crédito. Na prática, a vantagem de usar Paypal nas lojas que o aceitam é que a loja não terá acesso ao seu cartão, só o Paypal. Também é vantagem no caso de você ganhar dólares via Paypal, por site, vendendo um produto, etc. Você pode gastá-los em lojas que o aceitem, em vez de ter um cheque do paypal mandado para você em dólares com taxas e tudo o mais.

Como fiz outro pedido recentemente que, com o frete, saiu por 47 dólares, talvez nesse venha imposto. Mas não há mistério em compras internacionais: compre só de lojas conhecidas, tenha um cartão de crédito internacional e calcule o preço que vai chegar com uma margem de 60% em cima para evitar surpresas.

relacionados


Comentários