Meio Bit » Baú » Indústria » Milestone 2, DEFY e Spice, os novos Androids da Motorola

Milestone 2, DEFY e Spice, os novos Androids da Motorola

Motorola Milestone 2 e Motorola DEFY chegam oficialmente no Brasil. Confira especificações técnicas e as disponibilidades

06/10/2010 às 20:50

A Motorola anunciou três novos modelos, todos com Android, para o mercado brasileiro — um deles, aliás, desenvolvido aqui. Confira os detalhes.

Motorola Milestone 2

Motorola Milestone 2

Motorola Milestone 2

Com a experiência positiva que eu tive com o Motorola Milestone "1", essa nova versão é estupidamente melhor. A velocidade já é um dos principais fatores para quem planeja trocar do antigo Milestone para o novo: sai o processador antigo, de 600 MHz, e entra um novo, de 1 GHz. Graças ao Android 2.2 "Froyo" (que a empresa quase recusou a atualização aqui no Brasil, por conta das operadoras e provocou a fúria dos clientes), o smartphone vira um hotspot, permitindo que até cinco smartphone ou computadores se conectem via WiFi utilizando a conexão 3G do aparelho.

Além do processador e Android atualizado para a última versão, a câmera, que continua com os 5 MP de antes, agora filma em alta definição (720p). Outra novidade, essa capaz de não agradar a todos, é que ele vem com a última versão do MOTOBLUR, a interface customizada da Motorola para o Android (que apesar das críticas, eu achei ela bem interessante).

Outra diferença notável está na memória interna, que na primeira versão contava com apenas 133 MB de espaço e 256 MB de memória RAM saltou para 8 GB de interna e 512 MB de memória RAM. Ele ainda permite a expansão por cartão de memória para até 32 GB (microSD). Algo importante para as empresas é que ele tem suporte ao Enterprise Exchange. O teclado QWERTY físico ganhou pequenas melhorias, em especial a remoção do d-pad, o que fez com que as teclas ficassem maiores.

Disponibilidade para novembro deste ano, com preço, no varejo e sem vínculo com operadoras, de R$ 1.699,00

Motorola DEFY

Motorola DEFY

Motorola DEFY

Outro lançamento é o DEFY, voltado para um público mais econômico e desastrado. Alguns recursos do Milestone 2 foram removidos, para, provavelmente, diminuir o custo. Ele chega com o Android 2.1 "Eclair", tela touchscreen capacitiva de 3,7 polegadas com resolução de 480x854 (a mesma do Milestone 2) e tecnologia "Gorilla Glass". Ele suporta água, poeira, chuvas repentinas e líquidos derramados.

Ele conta com MOTOBLUR, WiFi 802.11b/g/n, 3G, Bluetooth 2.1 com A2DP. O espaço interno é de apenas 2 GB, vem com um cartão microSD de 2GB incluso e suporta expansão para até 32GB. A memória RAM do smartphone é de 512 MB e com um processado de 800 MHz (TI OMAP3610). Possui câmera de 5 MP com foco automático e flash LED.

Ele lembra o Milestone 2, mas tem algumas diferenças importantes. Não conta com teclado físico QWERTY, a câmera não grava em HD (720p), o espaço interno é de apenas 2 GB. O que mais se destaca, porém, é a veia eventureira do DEFY. Segundo a Motorola, ele aguenta poeira, água e quedas, características muito apreciadas em atividades de campo.

O Motorola DEFY estará disponível no Brasil a partir do final de outubro por R$ 1.499,00.

Motorola Spice

Motorola Spice

Motorola Spice

O terceiro smartphone é o primeiro Android produzido no Brasil pela Motorola. Voltado para o público mais humilde, será lançado por R$ 799,00 sem subsídio da operadora. Ou seja, em alguns planos ele pode vir a sair até de graça.

O Spice vem com um teclado QWERTY, design que lembra o Palm Pre. A tela tem resolução de 240 x 320 pixels e 3", conta com a tecnologia BackTrack que é um trackpad na traseira do smartphone para facilitar a navegação pela tela, câmera de 3,2 MP. Infelizmente (ou não), o aparelho vem sem o MOTOBLUR, a interface que centraliza diversas redes sociais na tela inicial do aparelho.

O espaço interno é tão sofrível quanto o Motorola Milestone, apenas 256 MB, mas permite expansão via cartão MicroSD para até 32 GB. A memória surpreende sendo 512 MB de RAM. Possui WiFi com suporte para as redes 802.11b/g, 3G, e vem com Bluetooth 2.0 com suporte ao A2DP.

Algo que vi e me "chocou" muito foi, tanto o Spice quando o DEFY virem com a versão 2.1 do Android. E a Motorola não anunciou se fará a atualização para o 2.2... As vantagens de uma versão para outra são relevantes, como a possibilidade de instalar aplicativos na memória microSD é uma vantagem imensa para quem tem apenas 256 MB de espaço interno.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários