Meio Bit » Baú » Fotografia » Canon 430EX II e 580EX II

Canon 430EX II e 580EX II

04/10/2010 às 13:16

Como vocês devem se lembrar, algum tempo atrás eu comprei um flash da Sigma para substituir um Canon Speedlite 580EX que havia queimado. A escolha do flash Sigma se deu justamente por seu preço mais camarada e por minha capacidade de investimento estar um pouco baixa no momento. Mas, aquele velho ditado “o barato sai caro” é uma das grandes verdades do universo. Infelizmente não consegui me adaptar ao equipamento da Sigma. O tempo de recarga era um pouco lento e a quantidade de erros de exposição no modo TTL estava me tirando do sério. Então, depois de uma reunião com o gerente do meu banco (ai), consegui o capital para renovação dessa parte do equipamento. Já que o crédito estava liberado, decidi comprar um Speedlite 430EX II e um 580EX II.

A diferença entre os equipamentos da Canon e da Sigma já se percebe na boa construção do corpo do flash. Plástico industrial muito bem moldado e com uma aparência mais agradável. A tampa do compartimento das pilhas também é um pouco mais resistente, mas em minha opinião poderia ser mais ainda. Os dois equipamentos são mais pesados que o da Sigma, além de apresentar um painel de controle e visor LCD com informações mais completas. Uma grande melhoria, em relação aos modelos anteriores, é a alavanca de encaixe na sapata da câmera. Muito mais prático do que o anel giratório que encontrávamos antes.

04102010-_MG_8657 04102010-_MG_8658

O Canon Speedlite 430EX II é um flash compacto, bem pequeno se comparado com seu irmão maior. Mas, a capacidade de iluminação dele não deixa a desejar em ambientes não muito amplos (número guia 43). A cabeça articulada fornece um giro de 180º para os lados e de 90º para o lado de cima. O zoom interno da lâmpada cobre distâncias focais de 17mm a 105mm. É possível trabalhar com o flash em modo TTL (onde a câmera regula a sua potência automaticamente) ou no modo manual. No caso do modo manual, o display de LCD fornece a informação de alcance da luz em metros, dependendo das regulagens do ISO, obturador e diafragma. O Flash também pode trabalhar no modo de grande velocidade, onde ele vai fazer sincronismo com qualquer velocidade de obturador, lembrando que quanto mais rápido o obturador, menor a quantidade de luz captada.

Já o Speedlite 580EX II é bem mais encorpado, mais pesado e mais potente. Em vários pontos ele é parecido com o irmão menor. Aqui também temos o sincronismo em grande velocidade, zoom interno cobrindo distâncias focais de 17mm a 105mm, cabeça totalmente articulada e possibilidade de trabalhar em TTL ou manual. O que temos de diferente é a potência (número guia 58), função de flash estroboscópico, existência de um pequeno rebatedor acoplado e conexão para cabo de sincronismo e para uma bateria externa. Interessante também notar que o 580EX II possui uma capa de borracha perto da conexão com a sapata da câmera para impedir que chuva ou poeira se deposite no terminal.

Porém, a característica mais interessante, e que me fez investir na compra de dois flashes é a capacidade de ambos os equipamentos trabalharem juntos ao mesmo tempo. Através da função master e slave eu posso trabalhar com um flash acoplado á câmera e outro posicionado em uma segunda localização para criar uma iluminação mais criativa. Outra vantagem é poder eliminar sombras que possam ficar atrás das pessoas fotografadas quando utilizamos a câmera na vertical (nada me irrita mais do que essa sombra). O 430EX II possui a função de slave, sendo controlado remotamente. Já o 580EX II pode tanto representar a função master (emitindo o sinal principal) quanto slave. Cabe lembrar que a função remota pode ser utilizada no automático TTL ou no modo manual, possibilitando até mesmo que a potência do flash escravo seja escolhida no flash master.

Vejam abaixo alguns exemplos de fotos feitas com os dois flash.

02102010-_MG_8631 02102010-_MG_8645

02102010-_MG_8513

Resumindo, minhas impressões iniciais foram muito boas. São equipamentos bem construídos e o resultado do uso não me deixou na mão. Obvio que em situações específicas é necessário mudar um pouco a compensação de exposição, mas são ajustes básicos e muito simples de serem feitos. O flash Speedlite 430EX II foi adquirido pelo valor de R$ 950,00, enquanto o Speedlite 580EX II custou R$ 1.530,00.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários