Meio Bit » Baú » Software » Unifier: uma alternativa ao PDF

Unifier: uma alternativa ao PDF

21/02/2006 às 7:43

O PDF da Adobe é um bom formato para carregar documentos que precisam de riqueza de imagens, tabelas e outras mídias e que, acima de tudo, precisam manter sua formatação original e proteger o conteúdo criado. É muito útil, mas tem seus pontos fracos. O leitor de PDFs da Abobe, o Acrobat Reader, tem hoje 37MB. É um programa relativamente pesado, que consome uma quantidade considerável de memória RAM para algo que serve apenas para ler documentos. O fato da tecnologia do PDF ser proprietária também é algo que conta pontos contra um formato que pretende ser portável. Afinal, o que tem de portável um documento que precisa de um mesmo software cliente para ser lido e que está disponível em um número restrito de plataformas?

Para criar uma opção livre, e realmente portável de documentos formatados a equipe do Unipage.org criou o Unifier. Ele é um programa gratuíto que salva em formato .html qualquer página, conservando imagens, CSS, Javascript e Flash. O arquivo .html salvo pode depois ser aberto em qualquer navegador web que suporte essas facilidades, mesmo off-line, que a página salva manterá suas características. O Unifier perde em funcionalidade para o Adobe Acrobat completo, que permite a autoração de conteúdo. Mas desbanca facilmente o Adobe Reader e o formato PDF pela praticidade, pois tudo que você precisa para ler o arquivo é um navegador; e pela riqueza de conteúdo que pode ser distribuído: com o Unifier a página mantém as funcionalidades do Javascript e do Flash. E além de tudo o Unifier é livre e gratuíto. Boa opção para desbancar o formato PDF quando você não tiver a certeza de que a máquina de destino dos arquivos possui o Adobe Reader instalado.

relacionados


Comentários