Meio Bit » Baú » Internet » Google lança Google Instant

Google lança Google Instant

Dando um sabor extra à página principal do seu principal serviço, a Google traz o Google Instant, que mostra resultados das pesquisas em tempo real, sem abrir outras páginas.

08/09/2010 às 18:59

Pesquisar na Internet nunca foi lá um grande problema quando se trata de tempo. Houve uma época onde era preciso digitar o endereço todo do site de pesquisa para depois sair consumindo informação, ou então instalar extensões bizarras (na maioria barras) e nada padronizadas que cada provedor criava para cada navegador.

Com uma adoção em massa de caixas de pesquisa integradas na própria interface pelos mais diversos navegadores, além do advento do OpenSearch (que ajuda na criação de pesquisas internas de outros sites) a coisa ficou ainda mais rápida e simplificada do que já era. No entanto, muita gente ainda usa o jeito old school de pesquisar, pelos mais diversos motivos. E pra esses a Google deu um jeito de trazer vantagens, por meio do recém-lançado Google Instant.

Pesquisas e sugestões, ao mesmo tempo, sem páginas novas sendo carregadas.

Nada muito espalhafatoso, seguindo a linha das últimas mudanças feitas na página inicial do site. De cara, uma aumentada no logo e na caixa principal. Mas a a graça da coisa só aparece quando se digita a primeira letra: é quando ele mostra os resultados em tempo real, sem precisar computar por completo a digitação e já sugerindo pesquisas semelhantes, poupando o tempo do envio da pesquisa, do recarregamento da página e, claro, da digitação completa do termo que se procura.

Segundo a Google, a novidade salva de 2 a 5 segundos por pesquisa em relação ao formato antigo. Além disso, as sugestões de termos salvam um tempo que podia ser de até 90 segundos (!), dependendo do tempo de digitação do usuário.

Testei brevemente e não tenho o que reclamar. Funciona de modo bem claro e fácil de entender (mesmo eu tendo pensado que, nas primeiras pesquisas usando o serviço, a caixa de sugestões cobria o espaço do primeiro resultado), semelhante ao encontrado nos buscadores locais de muitos sistemas e aplicativos, como os do Windows Vista/7 e do Spotlight, no Mac OS X, bem como os de players como Windows Media Player e iTunes. Se não gostar, dá pra desativar de modo fácil, através do menu explícito perto da caixa de pesquisa.

Por ora, o Google Instant funciona no Internet Explorer 8, Google Chrome 5/6, Firefox 3.0 e Safari 3 (note, o Opera ficou de fora da lista não só por mera formalidade: o recurso NÃO funciona nem na versão mais atual navegador norueguês; um misto de birra, pelo browser agora usar o Bing por padrão, com serviço ainda não finalizado, já que dá pra se "disfarçar" de outro navegador e acessar o recurso de modo não tão funcional como nos outros) e está disponível apenas nas regiões dos EUA, Inglaterra, França, Alemanha, Itália, Espanha e Rússia. A ideia é logo expandir o Instant para todos as localidades, mas já dá pra saboreá-lo simplesmente acessando o domínio .com do Google.

Via ZDNet.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários