Meio Bit » Baú » Indústria » Processador Magnético

Processador Magnético

15/02/2006 às 0:57

Pesquisadores da Universidade de Notre Dame conseguiram desenvolver o primeiro protótipo funcional de um microchip que em lugar de transistores usa campos magnéticos para armazenar vetores de zeros e uns ao manipular informação. As vantagens desse modelo são o fato de poder diminuir ainda mais a escala de construção e usar muito menos energia elétrica. Os campos do processador usam a energia elétrica para alterar os estados de forma que menos energia seja consumida. Menos energia e menor escala significam processadores mais econômicos e que esquentam menos. Dispositivos móveis podem ganhar mais poder de processamento e a durabilidade das baterias seria muito maior nesses dispositivos.

A tecnologia das baterias é o grande gargalo para a computação móvel, e ainda que não haja previsão para lançamento de uma unidade comercial a industria está animada com os resultados obtidos até agora. Processadores magnéticos são não-voláteis, o que significa que quedas de energia não prejudicam a manutenção dos dados. Além disso equipamentos com processadores magnéticos podem ter boot instantâneo, já que podem permanecer no último estado de processamento usado mesmo quando o dispositivo for desligado.

Fonte: Wired News

relacionados


Comentários