Meio Bit » Baú » Internet » Rede social Anti-Social

Rede social Anti-Social

Facebook arranja confusão para membro do governo francês.

13/09/2010 às 13:56

x

Pelo menos para o ministro da imigração francês Eric Besson, o Facebook é tudo menos... social.

Talvez fosse impossível acontecer isso antes, nos tempos em que se um grupo quisesse fazer um estrago qualquer tinham mesmo era que estar lá, todos juntos, de corpo presente. Velhos tempos...

Hoje, bastaram alguns milhares de Facebookers se amontoarem em uma página de protesto e o ministro francês teve até que adiar a data e local de seu casamento. Besson costumava ser da esquerda francesa mas, ao se juntar ao governo de Nicolas Sarkozy em 2007 (um dos mais impopulares direitistas do país em décadas), acabou arranjando algumas criacas entre o povo.

Ao anunciar que iria se casar com Yasmine Tordjman (uma estudante de artes e filha da ex-primeira dama da Tunísia) no dia 16 de setembro, em Paris, um grupo foi formado na rede social para "dar o troco ao ministro".

A intervenção popular no Facebook teria como objetivo uma retaliação ao ministro que, segundo o povo teria se vendido como um "racista barato" para um governo que não cabia com seu tipo reformador de esquerda de antes, sendo considerado por muitos como um "traidor do povo".

(Alguma semelhança com um certo outro João-sem-braço?)

Dando uma de João-cheio-de-dedos, o ministro disse que "Não tinha medo das ameaças e que mudaria a data e local do casamento por não achar correto gastar dinheiro público com segurança extra em um evento particular".

Um dos poucos casos de uso de uma rede social com finalidade política (sócio-trollagem?).

fonte: The Independent

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários