Meio Bit » Baú » Indústria » Cadeira de rodas high-tech

Cadeira de rodas high-tech

Pesquisadores suíços desenvolvem cadeira de rodas manipulável com o cérebro e munida de câmeras que fazem uso de realidade aumentada para tornar as tarefas do dia-a-dia mais fáceis.

08/09/2010 às 8:56

Melhorar a acessibilidade e, num nível maior, a vida das pessoas, é uma das motivações para diversas pesquisas que acontecem a todo momento, no mundo todo. É esse, também, o mote de uma equipe de pesquisadores da EPFL, da Suíça.

Eles criaram uma cadeira de rodas controlada pelo cérebro, graças à Eletroencefalografia (EEG). Isso, por si só, não é lá uma novidade das maiores; uma pesquisa rápida revela que, em maio de 2009, pesquisadores espanhóis haviam desenvolvido um produto semelhante. O grande diferencial da cadeira de rodas suíça é que, além dos padrões cerebrais, ela utiliza outro recurso tecnológico, muito em voga atualmente, que auxilia no manuseio do equipamento: realidade aumentada.

Duas câmeras são acopladas na parte frontal da cadeira, e trabalham em tempo real detectado e, mais importante, reconhecendo objetos do mundo exterior, o que lhe dá muitas outras utilidades além de evitar choques e acidentes. Convertendo isso em aplicações práticas, será possível, por exemplo, que o usuário chegue num escritório e a cadeira localize sua mesa automaticamente, com 100% de acerto ao distingui-la das demais.

Segundo o vídeo, o próximo passo é testar a cadeira de rodas high-tech com pacientes reais, e verificar se, com eles, o uso prolongado é viável. Além de, claro, um tapa no visual, hoje bastante complexo e frágil para o que se espera desse tipo de equipamento.

Fonte: Engadget.

relacionados


Comentários