Meio Bit » Baú » Demais assuntos » Apple lança iWatch sem querer

Apple lança iWatch sem querer

Com um pequeno adendo, o último iPod nano vira um acessório inédito na linha da Apple: o iWatch.

06/09/2010 às 8:15

De todos os lançamentos da Apple da última quarta, o mais controverso foi o do iPod nano. O gadget, que na geração passada havia atingido um nível de recursos bastante interessante, com execução de vídeos, pedômetro e câmera de vídeo, trocou tudo isso e mais um pouco por uma minúscula telinha de 1,54" sensível a toques.

É impossível prever o impacto de tal mudança nas vendas do aparelho, mas considerando o preço e as opções abaixo e acima dele... Enfim, é bom não duvidar do poder de persuasão que aquela maçãzinha tem.

Se você ainda não encontrou sequer um bom motivo para dar uma chance ao novo nano, uma feature acidental talvez o faça vê-lo com outros olhos. Kei Ogikubo é o autor da seguinte reinvenção:

iWatch: sem querer querendo.

iWatch: sem querer querendo.

Dado o tamanho que certos relógios tem (Faustão que o diga), diria que o iPod nano nesse contexto soa até discreto. E se o nano tivesse Bluetooth, poderia ser um MP3 player de pulso pra lá de legal.

O único problema é dar conta da bateria, que comparada à de um relógio convencional, no nano é drenada numa velocidade muito maior. Mas quem se importa em carregar o relógio (!?) quando esse é algo tão chique, não é mesmo?

Fonte: Mashable.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários