Meio Bit » Baú » Games » Treyarch cansou da Segunda Guerra

Treyarch cansou da Segunda Guerra

Produtora diz que não deve voltar a fazer jogos sobre a maior guerra da humanidade.

30/08/2010 às 10:03

dori_ww2_27.08.10

Assim como no cinema, a indústria dos videogames também vive de ciclos e se os jogos sobre a Segunda Guerra foram muito apreciados por uma grande período, desde que o Playstation recebeu o primeiro Medal of Honor, os jogadores cansaram do estilo e as produtoras já estão deixando o maior conflito da história de lado.

Ao ser questionado durante a gamescom se eles ainda desenvolveriam jogos sobre a Segunda Guerra, Josh Olin, gerente de comunidade da Treyarch, produtora que desenvolveu o Call of Duty 3 e o CoD: World at War, deu a seguinte resposta:

Não acho que voltaremos, porque já fizemos muitos jogos sobre a Segunda Guerra Mundial. Não estou dizendo que o gênero está acabado, seria importante se houvesse outro jogo na Segunda Guerra que tivesse algo novo e fresco. Você ainda deve seguir esse código e criar algo que os jogadores ainda não fizeram. Então, o World at War é um exemplo disso. Nós levamos os jogadores pela primeira vez para o sul do pacífico para lutar contra o exército imperial japonês. Esse foi um jogo diferente dos outros shooters da franquia sobre a Segunda Guerra. Portanto, enquanto houver novas experiências, as pessoas continuarão jogando.

Mesmo se tratando de um comentário bastante político, acho que ele é importante por tocar num ponto que sempre acreditei: O problema não está na quantidade, mas na qualidade e na inovação. Mesmo que o mercado fique saturado com tantos jogos sobre o mesmo tema, se alguns deles forem realmente bons, o jogador que não é burro, saberá escolher os que se destacam e jogará apenas os títulos relevantes.

O cinema mesmo ficou anos sem falar sobre a Segunda Guerra e então vimos filmes como o Além da linha vermelha e o Regate do Soldado Ryan lembrar a Hollywood que o assunto dava dinheiro e muitas outras produções aproveitaram a onda, entupindo o mercado e quando todos enjoaram de ver uma Europa destruída, invasões a Normandia e judeus sendo massacrados, anos depois o diretor Roman Polanski criou o excepcional O Pianista, a série Badn of Brothers fez um enorme sucesso e o Tarantino colocou sua peculiar violência num grupo de assassinos conhecidos como os Bastardos Inglórios. E ninguém reclamou.

Talvez um dia ainda vejamos um jogo sobre a Segunda Grande Guerra inovador e que volte a chamar a atenção de quem acha que ela não tem mais como ser bem explorada e só quero ver quanto tempo demorará até o pessoal começar a ciar do lançamento excessivo de jogos onde combatemos terrorista nos tempos atuais.

[via GoNintendo]

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários