Meio Bit » Baú » Games » Funcionário da THQ bate duro nos jogos usados

Funcionário da THQ bate duro nos jogos usados

Diretor criativo da companhia diz não ter simpatia por quem reclama da limitação de acesso a parte online dos usados.

25/08/2010 às 16:40

dori_lut_24.08.10

O comércio de jogos usados acaba de ganhar mais um forte inimigo, se é que podemos chamar assim. Embora não seja novidade que a THQ tenha adotado a prática da EA de incluir um código que dá acesso a parte online dos jogos, dessa vez o diretor criativo para jogos de luta-livre da produtora, Cory Ledesma, foi bastante duro ao criticar os jogadores que costumam comprar e vender jogos de segunda mão.

Acho que não nos importamos se os compradores de usados estão chateados porque os compradores de jogos novos tem acesso a tudo. Então, se os compradores de jogos usados estão bravos porque eles não podem aproveitar os modos online, eu realmente não tenho muita simpatia por eles.

Isso é um pouco agressivo, mas esperamos que não desponte as pessoas. Esperamos que as pessoas entendam que quando um jogo é comprado usado, nós somos enganados. Não acho que alguém queira isso, então para que façamos jogos do WWE fortes, de alta qualidade, precisamos que os fãs leais se interessem em comprar os jogos e queremos premiar eles com conteúdo adicional.”

O pior é que não vejo com muito maus olhos essa ideia de limitar o acesso à parte online a apenas um jogador. Acho que a empresa possui o direito de tentar se proteger da venda de jogos usados e se a pessoa faz questão de jogar através da internet, então que invista num jogo novo. Eu sou um jogador que costuma comprar games de outras pessoas e sinceramente não vejo problema nisso e cabe ao jogador pesar se vale a pena ou não comprar o jogo sem parte de suas funcionalidades. Acho que o grande problema aqui está na maneira como as empresas estão divulgando essa limitação, nem sempre ficando claro ao consumidor que depois de usado, tal jogo não pode ser jogado online por outra pessoa.

[via CVG]

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários