Meio Bit » Baú » Games » E3 2010 • Microsoft faz pouco caso do 3-D

E3 2010 • Microsoft faz pouco caso do 3-D

Executivo britãnico da Microsoft diz que custo para aproveitarmos o 3-D é proibitivo.

18/06/2010 às 8:20

dori_ms_17.06.10

Que o 3-D estereoscópico seria um dos pontos altos da E3, ninguém tinha dúvida. A Sony focou parte de sua conferência na tecnologia que está chegando ao PS3, a Nintendo encantou o mundo com o seu novo portátil que descartará o uso de óculos especiais para apreciarmos as imagens que “saltarão da tela”, mas você notou que a Microsoft nem tocou no assunto? Pois é, de acordo com Neil Thompson, chefe da divisão britânica da empresa, esta é não é uma tecnologia interessante, mesmo para o futuro.

Se você olhar para o custo de entrada dela para uma sala de estar e o tempo que ela demorará para se tornar acessível, achamos que aquilo que oferecemos com o Kinect e a interface acessível que estamos trazendo, é uma proposta muito mais convincente ao consumidor ao longo dos anos e então talvez olharemos para o 3-D.

Mesmo achando que uma coisa não deveria ser comparada com outra, em relação ao custo eu não tiro a razão do executivo. Se levarmos em consideração a quantidade de pessoas que não possuem seus PS3 ou XBox 360 ligados a TVs de alta definição, o que dizer de aparelhos sem suporte ao tão comentado 3-D? Além do mais, eu ainda não joguei um game dessa maneira, mas em relação aos filmes, eu não vi uma diferença tão significativa que justifique tanto espanto por parte das pessoas. Quero dizer com isso que não acredito que o 3-D se espalhará pelos lares? Pelo contrário, só desconfio que a indústria está tentando empurrá-lo ao consumidor apenas como uma maneira de lucrar mais, sem uma preocupação em aperfeiçoar seu uso.

[via Eurogamer.]

Leia mais sobre: .

relacionados


Comentários