Meio Bit » Baú » Indústria » Blackberry Tablet confirmado

Blackberry Tablet confirmado

RIM confirma, indiretamente, lançamento de seu tablet para o final do ano. Ação gera descontentamente mesmo dentro da empresa...

18/06/2010 às 9:12

imagem: divulgação (nâo oficial)

De acordo com relatórios lançados aos montes pela Web nessa terça e quarta-feira, a RIM definitvamente não quer que o Blackberry seja um mero espectador na mania de pad-gadgets que vem se instalando. O mais curioso é que segundo o Gizmodo, fontes internas indicaram que até mesmo funcionários da empresa estão um bocado frustrados com a empreitada da marca em lançar seu modelo até o final desse ano.

A matéria mais mencionada saiu no The Wall Street Journal e muitos acham que é um grande erro, uma vez que a marca ainda é líder de venda de smartphones e nunca teve um foco consistente nas mídias mais cobertas pelos novos devices (videos, photos, etc...).

De qualquer maneira, o ponto focal destes novos aparelhos vai severamente segregando o mercado entre os que fazem muito bem 'o mais necessário' e os que estão apenas nadando com o nariz para fora d'água. E esse 'necessário' chama-se: experiência de Web.

Se tem uma coisa para qual os tablets serão inevitavelmente MUITO úteis é o fato de que com suas grandes telas são capazes de tornar virtualmente qualquer interação 2.0/3.0 entre o usuário, a rede mundial ou suas milhares de nuvens algo realmente prático.

Como não se sabe nada além de que o Blackberry OS 6.0 (demo feita este ano) será o mais pimpado possível para atingir esse alvo, não se pode dizer se o tablet da RIM vem para deixar uma boa marca, ou se não passa de mais um assassino de iPads que na hora da execução, falhou e morreu.

A RIM ainda lidera o mercado de smartphones e detem um percentual de 35% dos despachos para os Estados Unidos de acordo com o último relatório da Nielsen. A Apple vem logo atrás com 28% dos smartphones americanos, seguida por aparelhos Windows Mobile (19%) e aparelhos rodando Android (9%).

Que pedreira pela frente... quero dizer, tirar (pelo menos casca) de todo o momentum que a Apple conseguiu gerar (de novo) com seus últimos lançamentos. Especialmente o competidor-alvo da RIM para este produto.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários