Meio Bit » Baú » Demais assuntos » Avião solar fará voo noturno

Avião solar fará voo noturno

O avião movido à energia solar, o Solar Impulse, fará seu primeiro vôo noturno em algum momento de julho.

17/06/2010 às 9:21

Solar Impulse

O avião se chama Solar Impulse, seu combustível é energia solar. Ele está previsto para fazer um vôo de 24 horas, iniciando à noite, e a viagem será feita com tripulação: um piloto da força aérea suiça por formação e que inclusive já pilotou o Solar Impulse em outros testes.

A data de decolagem não está definida. Será algum dia ensolarado no final deste mês. Espera-se que a energia solar armazenada nas baterias dure até o amanhecer (senão...). Essa é a idéia dos fundadores do projeto, Andre Borschberg e Bertrand Piccard: mostrar que aviões sem combustível possuem a capacidade de voar tanto de dia quanto de noite, sem problemas, mesmo para vôos de longa distância. É um ponto positivo para a sustentabilidade, demonstrar que um avião totalmente sem combustível foi capaz de realizar tal ato. O problema vai ser se der errado...

Ele tem uma envergadura de 61m, comparável ao tamanho de um jato super-jumbo mas, tem o peso de apenas 1,5t — o mesmo de um carro sedan. Sua primeira decolagem foi em Dezembro de 2009, desde então tem feito pequenos vôos diurnos, não ultrapassando a altitude de 60 cm (WTF?) e 300 metros de distância. O primeiro vôo completo de dia foi feito em 7 de abril. E para em julho realizarem um vôo de 24 horas (decolando à noite), será um passo gigante. Se tudo der certo nesse voo, a próxima meta será mais ambiciosa: fazer um voo transatlântico em 2013.

Quem mais sofrerá nesse caso, será o piloto, já que o avião não possui piloto automático. A experiência será única (e já me deu sono só de ler): ele ficará 24 horas acordado pois, exigirá atenção completa ao plano de vôo. O avião atinge a altitude máxima de 8500 metros e velocidade de 70 km/h. O piloto afirmou que está fazendo ioga para ajudar a estimular os músculos e melhorar o fluxo do sangue, algo extremamente útil para alguém que ficará 24 horas no cockpit deste avião (ou quem trabalha com TI também...). Ele afirma que a viagem não terá problemas, já que foram realizados inúmeros testes (nós e quem está embaixo onde avião passará, também esperamos a mesma coisa).

Esse é um dos vários passos que cientistas e pesquisadores estão realizando, para evitar a utilização de combustíveis fósseis e não-renováveis. Espero que o avião dê muito certo, visto que, o mundo sofre cada vez mais com os problemas realizados por empresas irresponsáveis (lê-se BP).

Fonte: BBC.

relacionados


Comentários