Meio Bit » Baú » Indústria » Papel Eletrônico mais próximo da realidade

Papel Eletrônico mais próximo da realidade

29/11/2005 às 21:44

A gigante coreana Samsung Electronics, anunciou recentemente um monitor LCD de 7? feito de plástico flexível.
Essa telinha funciona igualmente a uma LCD (Liquid Crystal Display) comum. Desses que vemos em televisores e notebooks.
A diferença desse é que ao invés de utilizar vidro em sua fabricação usa um tipo de plástico flexível. Ou seja, ao dobrar a telinha, ela não se quebra. Ideal para livros, revistas e jornais eletrônicos.
Sem dúvida mais um passo para o papel digital.
A nova telinha, que suporta resoluções de 640 X 480 pixels, tem o dobro do tamanho de seu protótipo apresentado em Janeiro desse ano.
Segundo o que tenho lido na Internet o projeto da E Ink, gasta menos energia do que esse LCD da Samsung, portanto mais viável ecologicamente. Já que a preocupação em se gastar menos energia é uma constante daqui para frente.
Enquanto isso outras companhias apostam nos OLEDs (Organic Light-Emitting Diodes), que consomem ainda menos energia do que os LCDs.

Não vejo a hora de ter minha parede da sala como uma grade tela. 😉
Isso sim é a revolução do papel de parede. rs

relacionados


Comentários