Meio Bit » Arquivos » Internet » Google I/O, 2º dia: Android 2.2 "Froyo", Google TV e Google Font API

Google I/O, 2º dia: Android 2.2 "Froyo", Google TV e Google Font API

Google mostra suas armas na Google I/O. De Android novo a Google TV, vem (muita) coisa boa por aí...

24/05/2010 às 11:22

Semana passada, como já noticiamos, aconteceu a Google I/O, conferência anual do Google onde (algumas das) novidades da empresa são mostradas. Nesse ano, os destaques foram o retorno do Google Wave e o The WebM Project no primeiro dia. No segundo, Android 2.2 "Froyo", Google TV e Font Directory.

Android 2.2 "Froyo"

Entre o anúncio do Android 2.2, codinome "Froyo", e seu lançamento, foram poucas semanas. As novidades mais significativas da nova versão do sistema móvel do Google, segundo o Lifehacker, são:

  • Hotspot portátil e tethering via USB: falando de modo grosseiro, esses recursos transformam o smartphone num modem. O primeiro, wireless, com suporte a até 8 dispositivos e criptografia WPA2 PSK; o segundo, "conversa" com Windows e Mac OS X, e compartilha a conexão 3G via cabo USB;
  • Suporte a Flash: enquanto a Apple (e meia Internet) crucificam o Flash, da Adobe, o Google corre em sentido contrário ao oferecer e promover o Flash em seus produtos. O Froyo suporta o padrão nativamente, e inclusive reproduz vídeos de sites como YouTube numa boa. A implementação aqui, também mediante plugin (tem no Android Market), permite configurá-lo para agir sob demanda, ajudando na economia da transferência de dados, bem como na agilidade do carregamento de sites que possuem componentes feitos em Flash;
  • Desempenho: melhorias em vários pontos, mas especialmente no processamento de JavaScript no navegador. Até o Google Wave roda numa boa!

Há outras melhorias, como suporte a Exchange, seleção de textos no e-mail e navegador, integração com Twitter e melhorias nas configurações da câmera.

Usuários do Nexus One, do Google, já podem pôr as mãos no Froyo por sua conta e risco, ou esperarem a liberação oficial da atualização.

Google TV

Se o Google já faz o "estrago" que faz em computadores e dispositivos portáteis, qual o impacto que a entrada da empresa na área da TV causaria? Em breve descobriremos, pois foi anunciada, durante a Google I/O, a Google TV.

O software será baseado nos do Android e Google Chrome, e em resumo, será uma camada entre usuário e a programação da TV, com um pé na Internet. A interface é própria e se encaixa bem no formato. Aparelhos wireless, incluindo smartphones com Android, poderão ser usados para controlar os televisores. Já há parcerias firmadas com Sony, Logitech e Intel.

Não há muitas informações sobre disponibilidade, apenas um formulário para interessados receberem notícias em primeira mão.

Google Font API

Google Font APINão dá para inventar muito no que diz respeito a fontes na criação de páginas para a Web. Como, por padrão, é preciso que cada computador que acesse determinado endereço tenha a fonte instalada para que a mesma seja exibida, web designers geralmente ficam no arroz com feijão: Arial/Helvetica, Verdana, Tahoma, Georgia, etc...

O Google Font API visa mudar isso. O Google criou um diretório de fontes livres, e a API que possibilita "chamar" as fontes de maneira bem simples e fácil. Assim:

<link href='http://fonts.googleapis.com/css?family=Tangerine' rel='stylesheet' type='text/css'>

<style type="text/css">body { font-family: 'Tangerine', serif; }</style>

E a mágina acontece! 🙂

O Google lançou novas ideias e projetos muito interessantes durante a Google I/O. Depois de tropeços como Wave e Buzz, esse evento foi um bem-vindo sopro de inovação de Mountain View para o mundo.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários