Meio Bit » Baú » Games » Miyamoto não pensa em deixar de fazer jogos

Miyamoto não pensa em deixar de fazer jogos

Criador do Mario fala sobre aposentadoria e diz que pretende continuar fazendo jogos até quando for possível.

22/04/2010 às 7:41

Pelo jeito a aposentadoria foi a palavra da vez nos últimas dias da indústria japonesa de jogos. Depois de Hideo Kojima afirmar que se aposentaria caso seu próximo jogo não dê certo, foi a vez do mestre Shigeru Miyamoto falar sobre o dia em que deixará de criar os jogos que tantas pessoas adoram (e tantas outras fingem não gostar 🙂 ).

Ao conceder uma entrevista à revista games, o game designer foi questionado se já pensa em aposentadoria e a resposta foi a seguinte:

Bem, sou um funcionário da companhia e ela irá me aposentar em algum momento então, dessa perspectiva, sim eu irei me afastar da Nintendo algum dia. Mas quando eu olho em volta e vejo como os velhos cartunistas continuam trabalhando em seus mangás e como os diretores de cinema continuam criando novos filmes a todo tempo, entendo que eles nunca irão se aposentar e pelo mesmo motivo acho que de alguma maneira ainda continuarei criando jogos. A única questão é se os jovens continuarão dispostos a trabalhar comigo num futuro tão distante.

É verdade que atualmente Miyamoto não faz o “trabalho sujo” como fazia há vinte ou trinta anos, mas é evidente que suas ideias continuam fortalecendo as estruturas da BigN e para alguém que cresceu jogando e admirando os games criados por ele, é um tanto surreal pensar na indústria sem a sua presença, mas quando esse dia chegar, desconfio que sua influência no setor ecoará por muito e muitos anos.

Certa vez vi alguém comparar o game designer japonês com o Walt Disney e tal qual o criador do Mickey, acredito que a influência de seu trabalho ecoará por muitos e muitos anos.

dori_miy_21.04.10

[via IndustryGamers]

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários