Meio Bit » Arquivos » Fotografia » Novas Nikon Coolpix chegam ao Brasil

Novas Nikon Coolpix chegam ao Brasil

01/03/2010 às 11:10

O mercado de câmeras fotográficas no Brasil é muito esquisito. E quando digo esquisito, quero dizer que quase toda a venda de equipamentos por aqui é realizada de maneira informal. Dois fatores influenciam essa escolha. A primeira é o preço mais baixo do equipamento. Mas, não ter garantia do que se está comprando e ainda ter a possibilidade de estar levando para casa uma câmera recondicionada sem saber, são fatores que sempre me fizeram fugir dessa modalidade de compra para equipamentos mais robustos. O segundo é o fato dos representantes nacionais das principais marcas não realizarem um trabalho competente no Brasil. Bem, pelo menos quase todos. A Udenio, representante oficial da Nikon nos estados do sul do Brasil, está com uma nova linha de câmeras da empresa japonesa sendo lançada no Brasil. Vejam abaixo o que está chegando de maneira oficial em território nacional.

Nikon Coolpix S70 – uma coisa temos que falar das compactas da Nikon: elas são bonitas. A Coolpix S70 possui 12 megapixels de resolução máxima e 5x de zoom ótico (distância focal não disponível na ficha técnica). Acredito que o grande diferencial aqui é o grande visor LCD de 3,5 polegadas sensível ao toque. Outras características são o estabilizador de imagem híbrido (óptico e eletrônico), sistema Smart Portrait e a capacidade de chegar até o ISO 6400 (como sempre deixo aqui minhas dúvidas em relação à qualidade dessa imagem). Destaque também para o Best Shot Selector, onde a câmera faz até 10 fotos com o botão do disparo acionado e a câmera escolhe para você aquela que ficou mais nítida, e para a filmagem em alta definição em 720 pixels com 30 fotogramas por segundo . Preço no Brasil: R$ 2.099,00.

Nikon Coolpix S640 – câmera muito parecida com a anterior, mas aqui não temos o visor LCD sensível ao toque. A Coolpix S640 possui 12,2 megapixels de resolução máxima, 5x de zoom óptico (equivalente a uma 28-140mm), sistema de estabilização óptica de imagem, velocidade ISO até 6400 e também encontramos aqui o Smart Portrait (que incluí várias pequenas funcionalidades para melhorar os seus retratos) e o Best Shot Selector. O destaque do modelo fica por conta da rapidez de preparo do equipamento garantindo que a câmera leva apenas 0,7 segundos para estar pronta para uma nova foto. Infelizmente esse modelo não faz filmagem em alta definição, ficando apenas no padrão VGA. Preço no Brasil: R$ 1.499,00.

Nikon Coolpix S570 – modelo mais simples a ser lançado, mas que mantêm muitas das características dos dois modelos anteriores. Aqui também temos 12,2 megapixels de resolução máxima, estabilizador eletrônico de imagem, visor LCD de 2,7 polegadas, 5x de zoom óptico (equivalente a uma 28-140mm), e velocidade ISO que alcança 3200. Aqui também encontramos o Best Shot Selector e todas as outras perfumarias obrigatórias como os modos pré-programados de cena e a gravação de vídeo em padrão VGA com 15 ou 30 fotogramas por segundo. Preço no Brasil: R$ 999,00.

Nikon Coolpix S1000pj – finalizando, temos o principal lançamento dessa leva. A Nikon Coolpix S1000pj foi alardeada no ano passado como a primeira câmera do mundo a ter acoplado ao seu corpo um projetor de imagens. Ideal para mostrar para a família as fotos ou os vídeos feitos com a câmera. O equipamento possui 12,1 megapixels de resolução máxima, visor LCD de 2,7 polegadas, 5x de zoom óptico (equivalente a uma 28-140mm), sistema híbrido de estabilização de imagem e velocidade ISO até 6400. A câmera também conta com o Best Shot Selector e com o Smart Portrait, além de diversas outras perfumarias. O único defeito da câmera, a meu ver, é não contar com gravação de vídeo em alta definição, ficando somente com o padrão VGA. Preço no Brasil: não divulgado.

Infelizmente, os preços no Brasil ainda são um pouco salgados, mas temos as vantagens de estar comprando um equipamento em uma revenda autorizada. Algum ano atrás pensava que os preços do mercado informal iriam trazer os preços oficiais para patamares mais aceitáveis pela população, mas parece que eu estava enganado.

relacionados


Comentários