Meio Bit » Baú » Games » Relembrando - Die Hard Arcade

Relembrando - Die Hard Arcade

10/02/2010 às 9:50

No final da década de 80, Bruce Willis estrelou um filme de ação que serviria para alavancar sua carreira nos cinemas. Mesmo repleto de cenas absurdas, diálogos fracos e muito tiroteio, Duro de Matar era um filme muito divertido e

tornou-se um tremendo sucesso. Quase dez anos depois, a Sega lançou para o Saturn um beat 'em up baseado no filme e que fez a alegria de muito jogadores, o Die Hard Arcade.

dori_dha_02.10

Surgido originalmente nos arcades, na verdade, mesmo tendo muitos conceitos semelhantes ao do filme, como o protagonista e a invasão de um prédio por um grupo terrorista, o jogo foi lançado no Japão como Dynamite Deka e os direitos do filme só foram adquiridos pela empresa japonesa quando a versão americana estava prestes a ser lançada.

Usando poderosos gráficos 3D, o game nos jogava no meio de uma imensidão de inimigos e permitia que usássemos vários elementos do cenário como armas. No geral, ele se parecia muito com os títulos do gênero daquela época, com exceção de algumas partes onde algum botão deveria certa pressionado na hora certa, o famoso efeito Quick Time Event, tão utilizado no God of War e aparecendo num game bem mais antigo que o Shenmue.

Um detalhe curioso é que do menu era possível jogar um clássico da Sega, o Deep Scan. Se fizesse isso, você ganharia mais vidas para usar no Die Hard Arcade

Dynamite Deka 2 chegou a ser lançado no Japão para o Dreamcast e no ocidente ele ficou conhecido como Dynamite Cop. Um remake até que seria bem vindo, mas um relançamento de forma digital não deveria acontecer, já que ambos os games envelheceram muito mal graficamente.

relacionados


Comentários