Meio Bit » Baú » Internet » Universal processa Grooveshark

Universal processa Grooveshark

09/02/2010 às 12:38

Alguém tinha dúvida de que isso aconteceria? A Universal processou o site musical Grooveshark, aquele já comentado aqui e que faz enorme sucesso em várias partes do mundo tanto pela qualidade sonora e de acervo, quanto (e principalmente) pela ausência de limitações geográficas.

groovechark Não é a primeira vez que isso acontece. Em junho do ano passado, a EMI fez o mesmo. Felizmente, as duas partes chegaram a um acordo e todos ficaram felizes – especialmente os usuários. O caso com a Universal é mais delicado porque, recentemente, o conglomerado lançou o VEVO, serviço de clipes em parceria com o Google/YouTube – nem adianta entrar, tem restrição geográfica.

No blog oficial do Grooveshark, uma mensagem informa o ocorrido e destaca a luta do serviço contra a pirataria. Eles, porém, entendem a posição da Universal, e esperam conseguir um acordo amigável com a gigante fonográfica.

Depois do Pandora, Spotify e Last.fm, o Grooveshark é um dos últimos redutos de música ilimitada via streaming acessível no mundo todo – e, ainda por cima, de graça. Que a força (e os bons advogados) estejam com o Grooveshark!

Fonte: Download Squad.

relacionados


Comentários