Meio Bit » Baú » Indústria » AppUp Center: a lojinha para netbooks da Intel

AppUp Center: a lojinha para netbooks da Intel

12/01/2010 às 11:22

A Apple mostrou ao mundo que dá para fazer (muito) dinheiro fazendo a ponte entre desenvolvedores e usuários. A App Store, loja de aplicativos do iPhone/iPod touch, é uma das melhores coisas do smartphone da Maçã, e tanto pelo sucesso, quanto pela qualidade, foi e ainda é largamente “copiada” no segmento mobile.

Mas parece que o sucesso não será restrito aos smartphones. Recentemente, a Intel lançou o AppUp Center, uma loja de aplicativos desenvolvidos especialmente para netbooks. Basicamente, a loja concentra aplicativos desenvolvidos tanto para Windows (XP e 7; Vista, oi?) e Moblin, e que, obviamente, sejam adequados às limitações inerentes de todo netbook – tela pequena, baixo poder de processamento, gráficos humildes, e por aí vai.

appup-center-20100112 Na loja, estão disponíveis tanto aplicativos pagos, quanto gratuitos. A Intel também oferece um SDK para a criação de aplicativos, e segundo a empresa, ele já foi baixado mais de 2500 vezes. Na melhor intenção “vamos agradar todo mundo aê!”, existe também a possibilidade de que fabricantes de netbooks explorem a loja utilizando suas próprias marcas, o que, de certo, é uma grande tacada da Intel, evitando que esse nicho até então inexplorado se fragmente em dezenas de lojas pequenas, uma para cada fabricante. Acer, ASUS, Dell e Samsung já declararam apoio à iniciativa, que inclusive pode culminar em netbooks com o cliente do AppUp Center pré-instalado.

Os planos futuros da Intel visam expandir o alcance da loja para outros dispositivos, de handhelds a TVs, passando pelos PCs convencionais. Na prática, seria algo como o Superdownloads ou Baixaki, porém com foco também no desenvolvedor, não apenas no usuário final. Pensando melhor, estaria mais para SourceForge e CodePlex.

A ideia é boa, e a Apple já mostrou que pode dar certo. Será que esse modelo vinga também nos netbooks e, posteriormente, nos PCs? A Intel aposta que sim. O tempo dará a resposta.

Fontes: CrunchGear e Mashable.

relacionados


Comentários