Meio Bit » Baú » Fotografia » ISO 102,400: realidade ou golpe publicitário?

ISO 102,400: realidade ou golpe publicitário?

26/10/2009 às 0:02

Nesse semestre, as duas principais fabricantes de câmeras fotográficas do mundo apresentaram seus novos modelos profissionais. A Nikon D3s e a Canon EOS 1D Mark IV. Câmeras avançadas, caras e que são o sonho de consumo de todo fotógrafo. Junto aos recursos que já estamos acostumados, os equipamentos trazem a capacidade de gravar vídeos em alta definição com uma qualidade extraordinária e a sensibilidade ISO que ultrapassa a casa do 100.000.

Particularmente já estava muito feliz com boa qualidade em ISO 3200, ainda mais quando lembramos das limitações quando fotografávamos com filme. O mais comum de se achar era o ISO 400. Ou comprávamos pelo correio filmes mais sensíveis ou fazíamos a velha puxada de ISO. Os dois casos trazem inconvenientes. Há algum tempo que a corrida dos megapixels deixou de ser o principal ponto de disputa entre os fabricantes de câmeras mais avançadas. A qualidade e a alta sensibilidade da velocidade ISO é o principal fator de concorrência agora.

Quando anunciaram o ISO 102,400 em ambos os equipamentos fiquei curioso em saber como as câmeras iriam se comportar nessa situação. A primeira amostra que tive acesso foi da Canon e garanto que não me impressionou nem um pouco. Agora acabo de ver um exemplo da Nikon e, embora o ruído seja bem evidente, pode ser utilizado em uma situação de emergência.

Analisando o pouco que vimos na internet podemos afirmar que a Canon pisou na bola e parece que tem noção disso. Todos os sites que publicaram fotos feitas com as câmeras cedidas pela empresa para divulgação foram obrigados a tirar as fotos e vídeos que fizeram de suas páginas (veja o exemplo do Digital Photography Interface). A Nikon não foi tão chata e publicou em sua própria página exemplos de fotos com alta sensibilidade. Agora o Imaging Resource publicou uma galeria completa explorando todas as possibilidades de sensibilidade da Nikon D3s, inclusive duas fotos em ISO 102,400. Veja uma delas abaixo (clique na foto para aumentar).

Nikon D3s - iso 102400

Do meu ponto de vista profissional, a evolução da tecnologia é espantosa. A qualidade das altas sensibilidades vem melhorando a olhos vistos com o passar dos anos. Mas, é um desperdício você usar uma câmera profissional caríssima para fazer uma foto que parece ser de uma compacta, no caso da Canon, é claro. Oferecer uma característica que não serve para muita coisa pode ser um grande problema para a empresa. Porém, a boa qualidade apresentada pela Nikon deve ser um motivador adequado para proporcionar uma melhora urgente desse problema. Mas, devemos ter em mente que a verdadeira qualidade das fotos desses dois equipamentos só vai ser colocada em prova quando eles chegarem às prateleiras das lojas e os usuários começarem a colocar as imagens na internet. Até lá temos que acreditar no que eles nos mostram.

relacionados


Comentários