Meio Bit » Baú » Games » Dificuldade adaptativa pode ser o futuro dos games

Dificuldade adaptativa pode ser o futuro dos games

14/10/2009 às 12:09

A dificuldade encontrada nos jogos já foi discutida anteriormente aqui no MBG e muitos dos jogadores das antigas vivem defendendo a teoria de que os games atuais são fáceis demais, mas você já parou para pensar que para outras pessoas eles podem ser tão desafiantes que elas acabam perdendo o interesse por eles?

Não é de hoje que a indústria tenta fazer com que os jogos se adaptem as habilidades do jogador, mas dois pesquisadores da University of Copenhagen estão tentando aperfeiçoar esse quesito, mas não estou falando de entregar tudo de mão beijada. A ideia é fazer com que todos possam aproveitar um determinado jogo, mesmo que cada um acabe presenciando uma versão “diferente” do título.

Para realizar os estudo, Georgios Yannakakis e Julian Togelius usaram duas versões modificadas do bom e velho Super Mario Bros., onde cada uma delas possui variações no número e tipo de inimigos, assim como o espaço entre as plataformas. Como os jogos guardam as informações do jogador, como saltos e tempo que permanecem vivos e após dizerem de qual versão gostaram mais, eles usam um algoritmo para avaliar o quanto as partidas foram agradáveis ou frustrantes.

Eles já chegaram a conclusões óbvias como o quão desanimador para os gamers é morrer seguidas vezes ao cair em um buraco, porém, perceberam que atitudes que não são obrigatórias para a conclusão do jogo, como pegar moedas ou jogar cascos de tartarugas, podem ser bastante satisfatórias.

dori_mm2_14.10.09

[via New Scientist]

relacionados


Comentários