Meio Bit » Baú » Ciência » O dia em que tudo deu certo pra SpaceX e mesmo assim Elon Musk perdeu dinheiro

O dia em que tudo deu certo pra SpaceX e mesmo assim Elon Musk perdeu dinheiro

A SpaceX lançou hoje o FORMOSAT-5, tudo correu perfeitamente, inclusive com o pouso na balsa, que alguns anos atrás parecia impossível. Só que mesmo assim, eles tiveram prejuízo. Motivo? Excesso de sucesso. Leia e entenda!

24/08/2017 às 20:07

formosat-5-nspo

Hoje a SpaceX completou mais um lançamento bem-sucedido. Um Falcon 9 decolou da base aérea de Vandenberg, na Califórnia, o primeiro estágio se separou conforme planejado e pousou na balsa Of Course I Still Love You. O segundo estágio seguiu até uma altitude de 780 km e colocou em órbita o FORMOSAT-5, de Taiwan. Tudo perfeito, pode mandar o boleto, vai querer CPF na nota?

O que não foi tão legal é que o lançamento custou caro pra SpaceX, por culpa do próprio sucesso.

O FORMOSAT-5 deveria ter decolado em 2011, conforme contrato assinado em 2010 pelo qual a Organização Espacial de Taiwan pagou US$ 23 milhões. O satélite deveria ter sido colocado em órbita com um Falcon 1e, mas a SpaceX se animou e com o otimismo típico de Elon Musk, cancelou o foguete, cancelou o Falcon 5 e partiu direto pro Falcon 9.

O tempo foi passando, o Falcon 9 foi atrasando e quando ficou pronto a SpaceX tinha um monte de satélites maiores e mais caros para lançar. O FORMOSAT-5 foi ficando pra trás.

Normalmente você empilha satélites para dividir os custos do lançamento, mas nenhum se encaixou nas necessidades orbitais do Formosat. Uma solução era usar um SHERPA, da Spaceflight, uma empresa que subloca lançamentos e sobe uma favelinha com um monte de cubesats, que são soltos ao longo do caminho.

Problema: a SpaceX ficou alguns meses sem lançar, por causa do acidente durante o teste de motores, a Spaceflight cansou de esperar e lançou o Sherpa com os indianos. O FORMOSAT-5 ficou de novo sem com quem dividir o lançamento, e com o atraso começaram a bater as multas. Dos US$ 23 milhões a SpaceX só iria receber US$ 21 milhões e quanto mais atraso maior o desconto.

Um lançamento do Falcon 9 completo é vendido por US$ 62 milhões, e por mais gordura que haja para queimar aí, US$ 21 milhões não cobrem todos os custos.

O que dói mais entretanto é o desperdício. Veja o tamanho do satélite, dentro da menor carenagem da SpaceX:

f5-6-2

São 475 kg. Mais leve que um carro. O Falcon 9 é um dos maiores e mais poderosos foguetes da atualidade, tem capacidade de colocar em órbita 20,8 TONELADAS. Será usada 1/44 dessa capacidade. Para dar uma idéia, até aquela porcaria do foguete brasileiro que só sai do papel pra explodir tinha/teria/nunca terá capacidade orbital de 380 kg.

20170418foguetebras

Às vezes não tem jeito, a gente tem que engolir o prejuízo pra liberar o estoque e acertar serviços antigos, mas se quem está de fora achou chato, imagine Elon Musk, que teve que arcar com o prejuízo.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários