Meio Bit » Baú » Ciência » Ajude o projeto SONEAR. Eles podem salvar o Mundo.

Ajude o projeto SONEAR. Eles podem salvar o Mundo.

Um dos principais motivos dos dinossauros não estarem mais por aqui é que eles não tinham um programa espacial nem ligavam para meteoros. Nós ligamos, na verdade há até gente no Brasil que liga, mas mesmo assim o projeto SONEAR (Southern Observatory for Near Earth Asteroid Research) precisa de nossa ajuda para custear as observações. Se você quer que a Humanidade tenha alguma chance, colabore.

10/08/2017 às 8:52

paris_big

O dia 15 de fevereiro de 2013 foi o Dia de Sorte da Humanidade. Gastamos quase toda nossa cota quando um meteoro de 13 mil toneladas entrou na atmosfera terrestre a 68.400 km/h. O ângulo e a velocidade foram exatos para que ele se despedaçasse a uma altitude de 30 km sobre Chelyabinsk, Rússia.

Com 20 metros de diâmetro e pesando o mesmo que um navio de guerra, uma fração de diferença no ângulo, uma fração de diferença da velocidade e a atmosfera não conseguiria levar o meteoro ao ponto de ruptura, e ele atingiria o solo com a força de sua explosão, que foi de 500 quilotons. A bomba de Hiroshima teve 13.


TheLifebeyondearth — RUSSIAN METEOR EXPLOSION! ALL THE BEST CLIPS! FEB 15TH 2013

Ninguém morreu ou se feriu gravemente, mas essa sorte não dura para sempre, pergunte a qualquer dinossauro.

A única forma de evitar que a Humanidade seja erradicada por um meteoro dos grandes é descobrir onde eles estão antes que eles nos descubram. Isso demanda muita pesquisa, muita observação, muito tempo de telescópio e computador. Somente uma ínfima fração dos NEOs — Near-Earth Objects foi descoberta e teve sua órbita determinada.

O SONEAR — Southern Observatory for Near Earth Asteroid Research é um dos projetos que tenta mudar isso. É um projeto de astrônomos amadores (não, isso não é nada negativo) que já descobriu 28 asteróides tipo NEO e 6 cometas, desde 2014.

Baseado em Minas Gerais, o SONEAR não está conseguindo fechar as contas para o período 2017/2018, e como não escrevem sobre a nobre arte de sorver jirombas em banheiros públicos, não recebem verbas governamentais.

O jeito é apelar pro crowdfunding. A boa notícia é que da meta de R$ 17 mil já conseguiram R$ 12.930,00; e a arrecadação só acaba em 31 de dezembro.

O site da vakinha do SONEAR é este aqui, só clicar.

Leia mais sobre: .

relacionados


Comentários