Meio Bit » Baú » Ciência » NASA nega existência de colônia marciana construída com crianças escravas

NASA nega existência de colônia marciana construída com crianças escravas

Chegou o dia, surgiu uma teoria da conspiração tão idiota que nem teóricos da conspiração razoáveis conseguem engolir: um sujeito foi em um dos maiores programas conservadores dos EUA para denunciar que a NASA estaria… escravizando crianças para construir uma base em Marte.

30/06/2017 às 17:18

capitaogancho

Existem teorias da conspiração ridículas, teorias absurdas e teorias incrivelmente retardadas. Algumas raras conseguem unificar todos esses “méritos”, como a que dizia que os russos estavam com milhares de tanques na fronteira do Canadá, esperando Obama ser eleito para invadirem. Ou a que George Bush havia mandado a Defesa Civil preparar milhões de caixões para enterrar os mortos da Grande Matança que reduziria em 80% a população dos EUA.

Essas teorias se baseiam na Navalha Enferrujada de Occam, o princípio filosófico segundo o qual entre várias respostas, a mais absurda improvável ridícula e forçada é a verdadeira. Daí bobagens como ufeiros histéricos achando que o escudo térmico da Opportunity era um disco voador.

O terreno das teorias conspiratórias é abundantemente adubado com o que quer que ocupe o espaço dos neurônios nos cérebros de seus defensores, mas uma em especial ganhou a gincana em 2017:

Segundo um sujeito chamado Robert David Steele a NASA tem uma base em Marte.

Calma. Melhora.

Ele falou que essa base é operada por ESCRAVOS. E nem são marcianos verdes escravizados pelos brancos, são crianças humanas abduzidas pela NASA, mandadas em uma viagem de 20 anos até Marte, tempo em que são doutrinadas para trabalhar nas minas de batata, sei lá.

Isso as que sobrevivem, boa parte dessas crianças seriam aterrorizadas para “adrenalizar” o sangue, mortas e seriam exsanguinadas e a medula óssea também seria removida. E você achando que só tinha fetos na Pepsi-Cola…

3342c0eb46a813f5d371546372aa81db

Uma bobagem desse tamanho, você imagina que é restrita a páginas bem questionáveis com layout made in Geocities, mas não. O sujeito falou essas barbaridades no programa do Alex Jones, este sujeito aqui:


Boris the TROLL — American Alex Jones crazy As Shit Bat

Ele é… como definir Alex Jones? Imagine se a seção de comentários do G1 ganhasse vida e se materializasse em uma entidade corpórea. Ele é o fundador do Infowars, um dos maiores sites de conspirações na internet, e isso não é a parte preocupante.

Donald Trump elogiou a credibilidade de Alex Jones, disse que ele deveria ganhar um Pulitzer e que faz excelente jornalismo imparcial.

Alex Jones, claro, ajudou a espalhar a ficção do tal Pizzagate, envolvendo o alto escalão do partido democrata com pedofilia e encontros no porão de uma pizzaria que não tem porão. O Infowars inclusive foi credenciado para ter acesso à Casa Branca, e Donald Trump é ouvinte assíduo e já mencionou Alex Jones como fonte mais de uma vez.

A briga é desigual. Alex Jones é retransmitido por 118 estações de rádio nos EUA, enquanto isso a NASA tem que mandar porta-voz explicando que, fora os robôs, não há presença humana em Marte.

Jones por sua vez diz que 90% das missões da NASA são segredo, e que foi informado por gente lá de dentro, e ah sim, todas as sondas que chegam lá são desligadas. Aham.

Ao menos Guy Webster, o porta-voz da NASA foi espirituoso, perguntado sobre a veracidade do rumor idiota, ele respondeu:

Só existe um rumor idiota na Internet? Agora isso é uma notícia!

Fonte: The Daily Beast.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários