Meio Bit » Arquivos » Games » E3 2017 — Bethesda anuncia o Creation Club, sua loja de mods pagos

E3 2017 — Bethesda anuncia o Creation Club, sua loja de mods pagos

Após tentar vender mods em parceria com a Valve e recuar, a Bethesda anuncia um novo serviço com esse objetivo — embora não admitam isso.

12/06/2017 às 17:30

Se tem uma coisa pela qual os computadores costumam ser elogiados, é pela facilidade das pessoas modificarem os jogos para a plataforma. Isso é uma prática que normalmente beneficia tanto as desenvolvedoras quanto os jogadores, já que enquanto a primeira vê suas criações recebendo conteúdo sem precisar pagar pela produção, o segundo vê a vida útil do game aumentando consideravelmente.

Durante o tempo ficamos acostumados a ver o lançamento de modificações acontecerem gratuitamente, mas algumas empresas passaram a achar que poderiam lucrar com tais criações, e uma delas é a Bethesda. Inicialmente a recepção da comunidade a essa tentativa não foi das melhores, fazendo com que a empresa recuasse em sua proposta, mas eles ainda não tinham desistido.

Após a poeira baixar, o estúdio anunciou durante a E3 deste ano o Creation Club, iniciativa que novamente tentará fazer com que os criadores de mods para o Fallout 4 e The Elder Scrolls V: Skyrim Special Edition sejam remunerados por suas obras, com os títulos passando a contar com a oferta de modificações feitas tanto por outro jogadores quanto pela própria Bethesda.

O detalhe é que embora a editora afirme no site do serviço que oferecerão mods que poderão ser adquiridos com dinheiro real, eles parecem nos fazer querer acreditar que não será bem assim. Veja o que diz o FAQ elaborados pela empresa:

Os mods continuarão gratuitos e como um sistema aberto onde todos poderão criar o que quiserem. Além disso, não permitiremos que qualquer mod existente seja adaptado para o Creation Club, precisa ser conteúdo original. A maior parte do conteúdo para o Creation Club será criado internamente, alguns com parceiros externos que trabalharam em nossos jogos e alguns feitos por criadores externos. Todo o conteúdo será aprovado, curado e passado por um ciclo completo de desenvolvimento interno; incluindo localização, polimento e testes. Isso também garante que todo o conteúdo funcionará. Nós estudamos diversas maneira de ‘mods pagos’ e os problemas superaram os benefícios. Encontramos muitos desses problemas anteriormente, mas existe uma demanda constante dos nosso fãs para adicionarmos mais conteúdo oficial de alta qualidade aos nossos jogos e embora possamos criar muitos deles, achamos que muitos da nossa comunidade possuem o talento para trabalhar diretamente conosco e criar algumas coisas incríveis.

Não sei quanto a você, mas para mim isso pode ser descrito simplesmente como “mods pagos”, mas de qualquer forma, acho interessante esta promessa de que o conteúdo passará por uma curadoria e aperfeiçoamento. Além disso, desde que a iniciativa signifique a chegada de modificações de qualidade, pouco me importa do que eles chamarão essas criações.

O mais provável no entanto é que o Creation Club dê início a uma nova onda de reclamações, mas o importante aqui é que os mods gratuitos não deixem de existir e isso não acontecer, caberá aos jogadores decidirem se acham justo ou não pagar por algo que lhes parece interessante.

relacionados


Comentários