Meio Bit » Baú » Filmes e séries » Cowboy Bebop vai virar série live-action para a TV

Cowboy Bebop vai virar série live-action para a TV

Agora vai: Cowboy Bebop será adaptado para a TV em forma de série, após projeto de filme em live-action ficar quase uma década na geladeira; Chris Yost, de Thor: Ragnarok ficará responsável pelo roteiro.

07/06/2017 às 13:32

cowboy-bebop-2

Ao que tudo indica a adaptação live-action de Cowboy Bebop, um dos animes mais famosos e elogiados de todos vai finalmente acontecer. O único detalhe é que como o filme não deu certo, os detentores dos direitos autorais no ocidente partiram para uma abordagem mais modesta e garantida: uma série para a TV.


A saga de Cowboy Bebop no ocidente foi bem confusa. As conversas para a produção de um filme flutuam desde 2008, o diretor do anime Shinichirou Watanabe confirmou, depois desconversou e por fim disse que a Fox, que havia assegurado o direito de produção ainda tinha interesse, mas nada havia sido confirmado. E isso foi em 2014, não haviam datas, elenco, direção, roteiro, nada.

A Fox inclusive chegou a confirmar que o ator Keanu Reeves estava escalado para viver o protagonista Spike Spiegel, mas em 2010 ele admitiu que os custos para a produção eram altos demais e que foi tudo para a geladeira. Aparentemente a Fox perdeu o interesse e deixou os direitos expirarem, voltando para as mãos do produtores originais.

O que nos leva ao anúncio de agora: finalmente a Bebop vai voar no ocidente, mas não como planejaram inicialmente.

A Sunrise, o estúdio responsável pela animação original fechou uma parceria com a produtora ITV Studios para tirar Cowboy Bebop do papel, cancelando a ideia de um filme e o convertendo para uma série de TV. A produção ficará a cargo da Midnight Radio (composta por Josh Appelbaum, Andre Nemec, Jeff Pinkner e Scott Rosenberg), Marty Adelstein, Becky Clements e Matthew Weinberg. Chris Yost, o roteirista de Thor: O Mundo Sombrio e Thor: Ragnarok vai escrever o texto.

A ideia de uma série espacial nos moldes do anime não é exatamente novo, Firefly era assim e embora não tenha ido para a frente, gerou filhotes mais bem-sucedidos como The Expanse e Dark Matter. O retorno de Star Trek para a telinha reforça a ideia de que as pessoas querem mais séries com temáticas espaciais. E mais: o tema em si é muito mais fácil de se trabalhar do que Vigilante do Amanhã: Ghost in the Shell, com apelo bem mais global e que empresta uma série de elementos ocidentais, do uso do jazz na trilha sonora (excelente trabalho de Yoko Kanno) à própria natureza dos personagens enquanto "caubóis". Logo, há muito menos chances de Cowboy Bebop ficar relegada ao nicho dos fãs de animes e mangás e fazer sucesso com o público geral.

A trama de Cowboy Bebop se passa em 2071. A Terra se tornou um planeta inabitável e a humanidade vive em colônias espaciais espalhadas pelo Sistema Solar; como o crime escalou a níveis que a polícia não pode conter, ela estabelece contratos com caçadores de recompensas (os chamados "caubóis") a fim de resolver esse problema. A tripulação da Bebop é formada pelo vigarista Spike Seigel, o ex-policial Jet Black, a artista amnésica Faye Valentine, a jovem hacker prodígio Ed Wong e o corgi Ein, fruto de uma caçada infrutífera (Spyke ficou com ele como compensação) que é tão inteligente quanto um humano.

A série se foca nas inúmeras tentativas do grupo em fazer uma grana forte caçando criminosos, o que nem sempre dá certo (muitas vezes eles sabotam um ao outro) e também explora o passado e personalidade de cada um deles. Exibida originalmente entre 1998 e 1999 no Japão, ela rendeu uma adaptação em mangá (há um outro, de antes do anime) e um longa animado, bem como um lugar entre as melhores animações seriadas já produzidas graças à qualidade da produção.

Dino2Jp — COWBOY BEBOP OP JP

Não há nenhuma informação sobre datas ou qual canal irá exibir a série, mas desde já é uma boa notícia ao menos para tirar Cowboy Bebop do Development Hell.

Fonte: Variety.

relacionados


Comentários